A rede Coop de supermercados, através de suas unidades nas cidades de Santo André, São Bernardo do Campo, Diadema, Ribeirão Pires e Mauá, na região metropolitana de São Paulo, anunciou a abertura de inscrições para mais de 50 minicursos totalmente gratuitos que serão ministrados nas dependências da empresa para interessados de todas as idades. 

Os cursos têm o objetivo de fornecer conhecimentos em gastronomia, artesanato, beleza e estética com especialistas em cada área, além de oferecer a possibilidade de uma renda extra. 

A programação completa, que se estenderá por todo o mês de março, está disponível no site da Coop (ver link abaixo). É importante ficar atento ao dia correto para as inscrições que acontecem neste final de fevereiro. 

Também estão programadas palestras e cursos nas unidades da empresa nas cidades de Piracicaba, São José dos Campos, Sorocaba e Tatuí. 

Para jovens

A Coordenadoria de Ações para a Juventude (Cajuv) do município de São Bernardo abriu nesta semana as inscrições para uma série de workshops gratuitos voltados para jovens de 14 a 29 anos. 

As oficinas serão realizadas em diversos locais espalhados pela cidade e incluem aulas de música, teatro, circo, fotografia e dança. Esportes radicais como skate e patins in line também estão na programação. 

A inscrição deve ser realizada pessoalmente na secretaria da Coordenadoria, localizada na avenida Redenção, número 271, durante o horário comercial. É necessário levar identidade com foto, comprovante de escolaridade e de residência.

Profissionalizantes

A Associação Padre Leo Commissari, com sede no Jardim Silvina, em São Bernardo do Campo, abriu vagas para cursos gratuitos e profissionalizantes de Informática, Cabeleireiro, Mecânica de Autos, Corte e Costura (iniciante ou modelagem) e Elétrica Residencial. 

Também estão abertas inscrições para o Mova (alfabetização de adultos). 

Interessados devem ter mais de 16 anos de idade e comparecer pessoalmente na Rua Padre Leo Commissari, número 288, com RG, CPF, comprovante de residência e de renda (holerita, carteira de trabalho ou declaração de próprio punho) em mãos. #Negócios #Educação #Grande ABC