A plataforma "Hora do #ENEM", parceria entre o Ministério da #Educação (MEC) e o Serviço Social da Indústria (SESI), conta com apoio da TV Escola (canal do MEC) e disponibiliza gratuitamente materiais para preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

Amanhã acontece o primeiro simulado on-line do portal, que será oferecido aos 2,2 milhões de estudantes matriculados no último ano do ensino médio. Para os alunos que não dispõem de acesso à internet em casa, 120 mil acessos serão liberados por meio de universidades, institutos federais, instituições particulares e comunitárias, e escolas estaduais de ensino médio.

Está previsto também para amanhã o lançamento do MECFlix, ambiente interativo contendo vídeos de conteúdos para estudo, além de um programa diário produzido pela TV Escola com as notícias mais recentes sobre o ENEM, que recebe o mesmo nome da plataforma. O programa "Hora do ENEM" será exibido diariamente às 18h, tendo meia hora de duração. Conta ainda com reprises às 7h e 13h e aos finais de semana.

Para quem não tem computador, a plataforma pode ser acessada na forma de aplicativo para Android, o qual deve ser baixado no Google Play ou na própria página inicial do sistema "Hora do Enem".

Ainda estão previstos mais três simulados on-line, nos dias 25 de junho, 13 de agosto e 8 e 9 de outubro. As inscrições para os mesmos costumam se iniciar em torno de 15 a 19 dias antes da data de cada prova.

Vale lembrar também que as inscrições para prestar o ENEM de 2016 se iniciam às 10h do dia 9 de maio e vão até o último minuto do dia 20 do mesmo mês. O edital da prova já se encontra disponível na página oficial do Inep destinada ao ENEM, e conta com algumas mudanças este ano - dentre elas, a do valor da inscrição, que será de 68 reais e a Guia de Recolhimento poderá ser paga em qualquer agência bancária, casa lotérica ou agência dos Correios.

Alunos que cursam o último ano do ensino médio em escola pública estão automaticamente isentos de pagar inscrição. Para aqueles que conseguiram isenção na prova do ano passado (ENEM 2015), mas que não compareceram nos dias ou em um dos dias, caso desejem solicitar isenção novamente em 2016, deverão justificar sua ausência. #Edital