Começam, nesta segunda-feira, 09 de maio, as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio, mais conhecido como #ENEM. O programa é o principal acesso para a entrada nas universidades públicas brasileiras (Federais e Estaduais). Além da nota, poder ser usada em outros programas como o Prouni (que oferece bolsas para instituições particulares), FIES, que disponibiliza financiamentos para o estudante pagar sua faculdade, além do Pronatec, com os cursos técnicos.

O início das inscrições será às 10h, sendo encerrada as 23h59 do dia 20 deste mês, podendo ser realizadas no site oficial do Inep. As provas serão realizadas nos 5 e 6 de novembro. A taxa de inscrição novamente aumentou este ano, de RS 65 subiu para R$ 68, podendo ser paga até o dia 25 de maio.

Igual aos anos anteriores, os portões, nos dias das provas, abrem às 12h, sendo fechados às 13h. O primeiro dia de provas dura 4h30 min e o segundo, 5h30min.

A HORA DO ENEM

Uma grande novidade que o MEC criou este ano para os estudantes, é o A Hora do Enem, uma ferramenta online que traz planos de estudo, exercícios, resumos direcionados ao Enem, videoaulas e simulados.  

O primeiro simulado já aconteceu no dia 30 de abril, e se você perdeu, não se preocupe, serão realizados outros no dia 25 de junho e 13 de agosto, ambos contendo 80 questões. Já nos dias 8 e 9 de outubro, vem um ‘reforçado’ contendo 180 questões. Segundo o ministro da #Educação, Aloizo Mercadante, a novidade é uma forma do estudante ter um cursinho gratuito dentro de casa. Segundo ele, o MEC está tentando colocar prova de redação nos simulados, sem previsão ainda.

A ferramenta recebeu o apelido de ‘MECFLIX’, e o ministro brincou dizendo que, ao invés de ver um filme no Netflix, que o aluno venha estudar no MECFLIX.

Para acessar o conteúdo, é preciso se cadastrar informando o CPF e outros dados pessoais, ganhando, assim, o acesso livre ao ‘MECFLIX’.

Mercadante também explica que o motivo das provas serem realizadas somente em novembro, são as eleições municipais, assim, os estudantes poderão realizá-las em um "clima de tranquilidade’". #Escola