A partir da próxima segunda-feira (16), será liberado o acesso ao Sistema Informatizado do Fundo de #FINANCIAMENTO ESTUDANTIL - SisFies - para alunos que formalizaram seus contratos, até o dia 31 de dezembro de 2016, renovarem os mesmos junto ao Fundo de Financiamento Estudantil (#fies).

Inicialmente, o pedido de aditamento deve ser feito pelas instituições de ensino superior, que devem fornecer os dados dos discentes beneficiados pelo fundo, até o dia 30 de abril do corrente ano. O acesso a esse cadastro para as faculdades e universidades já foi liberado na última segunda-feira (9).

Depois disso, o aluno acessa o SisFies e confirma os dados inseridos pelas instituições.

Publicidade
Publicidade

No caso de haver alterações em cláusulas contratuais – mudança de fiador, por exemplo – é necessária a entrega da documentação comprobatória para o agente financeiro, para que a renovação possa ser efetivada. Caso não haja nenhuma mudança, o aluno pode fazer a renovação através do sistema, confirmando os dados informados pelas instituições.

O sistema on-line facilita a renovação, as inscrições e o acesso às informações sobre o programa de financiamento. Através do programa, o estudante pode financiar sua formação em universidades e faculdades privadas, a uma taxa de juros de 6,5% ao ano. O cálculo do custeio é feito levando-se em consideração a renda familiar bruta per capita do universitário e o mesmo começa a pagar a dívida depois de concluir os estudos.

Conforme informações disponibilizadas pelo #MEC, o Fies encerrou 2016 atendendo a 98% dos interessados.

Publicidade

O investimento, segundo dados do governo federal, foi de R$ 8,6 bilhões.

No segundo semestre de 2016, foram criadas 75 mil vagas, conforme afirma Silvio Pinheiro, presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Para 2017, conforme garante Pinheiro, R$ 21 bilhões serão destinados para manter os contratos com os agentes financeiros e garantir a abertura de novas vagas.

Atualmente, mais de 2 milhões de estudantes são beneficiados pelo programa.

Novas inscrições estão previstas para o mês de fevereiro.