Após muita espera, chegou a aguardada abertura para as inscrições para o SISU, e um grande número de estudantes espalhados por todo o país, os quais almejam conseguir uma vaga em faculdades públicas e federais que fizeram a segunda aplicação do ENEM, relata problemas no momento da inscrição e, mesmo tendo colocado todos os seus respectivos dados corretamente, o sistema ainda acusa que há informações incorretas sobre os dados dos candidatos.

Há indignação, pois os estudantes, além de terem ficado para fazer a segunda aplicação da prova, e as notas saírem depois que os demais, enfrentam agora esse problema temendo que possam se prejudicar perdendo o prazo das inscrições.

Publicidade
Publicidade

Os candidatos afirmam que faltaram ética, moralidade e eficiência do governo, pois o mesmo disse que os candidatos que ficaram para segunda aplicação não seriam prejudicados.

Mesmo com o problema de acesso e falha em sistema, foram computados mais de 770 mil inscritos até 13h e 1.483.554 inscrições, levando em consideração que cada candidato pode escolher até duas opções de curso.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), o problema ocorreu devido ao alto número de estudantes que trocaram a senha e ficaram com acesso temporariamente impedido. Segundo a aplicação, os estudantes que desejam continuar com as inscrições deverão aguardar o INEP encontrar a falha no sistema para regularizar, e ainda não há previsão de normalização.

#sisu é o sistema informatizado do MEC que faz com que os estudantes busquem uma vaga em universidades públicas e federais de acordo com a nota do #ENEM.

Publicidade

São 238 mil vagas em 131 instituições nas quais entre elas estão universidades como USP – Universidade de São Paulo, UFSCAR – Universidade Federal de São Carlos, Unifesp – Universidade Federal de São Paulo, UNIRIO – Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFPR- Universidade Federal do Paraná e UNB – Universidade de Brasília.

A inscrição é feita pela internet em uma única etapa e é grátis. As inscrições vão até às 23h59 do dia 27 de janeiro. #2017