Para muitos pais é angustiante chegar do trabalho e se deparar com a mesma cena: os filhos confinados no ambiente virtual consumindo conteúdo que pouco proveito lhes dará no futuro, desperdiçando uma manhã ou tarde ensolarada onde poderiam interagir com pessoas reais ou ler um livro. Há também o lado inverso. Horas improdutivas na rua junto a companhias que pouco acrescentam na sua formação ao invés de desfrutar a vasta rede de informação disponível na internet e conhecer novas pessoas com outros horizontes.

Entraves como a falta de tempo para se pensar em uma solução, o cansaço resultante da jornada de trabalho e o fator econômico geram um quadro de impotência e frustrante resignação.

Publicidade
Publicidade

Abaixo, segue algumas dicas de locais voltados ao público jovem com atividades educacionais e estímulo a interação social, assim como sugestões de conteúdo na internet que pode interessar o seu filho. E o melhor: inteiramente gratuitos.

Sesc

O Serviço Social do Comércio (Sesc) é um espaço voltado para atividades que envolvem #Lazer, saúde, #Educação e cultura. É uma entidade privada mantida por empresários do terceiro setor que a idealizaram como um ambiente de entretenimento para as famílias dos funcionários, mas que liberam acesso ao público em geral mediante cadastro.

Há unidades em cada Estado do país com programação de atividades dirigidas a várias faixas etárias. No Estado de São Paulo, dois programas podem ser úteis para enriquecer a rotina de seu filho:

Projeto Curumim (7-12 anos)

Ação socioeducativa planejada a ocorrer paralelamente à vida escolar.

Publicidade

Com turnos de manhã e tarde. No programa, as crianças aprendem práticas relacionadas ao universo artístico como expressão corporal e linguagem. Aborda-se também assuntos sobre saúde, alimentação e educação.

Juventudes (13-17 anos)

São realizados encontros semanais para o desenvolvimento de várias atividades, como teatro, literatura, dança, culinária, espetáculos, debates e outras tarefas.

Nos dois casos, as vagas são limitadas e as inscrições ocorrem a cada início de semestre. Confira no site da instituição ou entre em contato com a central de atendimento para se informar a respeito de datas, horários e documentação necessária para inscrição.

Projeto Meu Brasil

O programa é resultado de parcerias entre algumas das empresas de maior destaque no ramo tecnológico, como Microsoft, Adobe e Intel. O objetivo é promover ações sociais com foco na qualificação profissional.

O projeto estrutura cursos gratuitos de curta duração por todo o território nacional, presencial e a distância, em diversas disciplinas: administração, Excel, inglês, espanhol, hardware, animação, aplicativos móveis.

Publicidade

No site do programa, há uma lista de cursos com inscrições abertas informando Estado, no caso de ser presencial, cidade e endereço do local das aulas.

Canais YouTube

Se o grande problema for a locomoção, seja pela distância, seja pelo horário, talvez alguns canais do YouTube despertem o interesse por alguma profissão. Veja algumas sugestões:

Crás Conversa Oficial

Se seu filho/filha demonstra interesse por desenhos e quadrinhos, este canal pode ser um grande achado. YouTube oficial da Editora Crás, fundada pelo quadrinista Thiago Spyked, publica séries de vídeos sobre o segmento artístico.

Há orientações sobre apresentação de portfólios, faculdades da área, explicações sobre tipos de traços e estilos, instruções sobre formatos e tamanhos de impressão de HQ e outros assuntos pertinentes ao meio. Na página virtual da editora, comercializa-se todo o material necessário para aprimorar ou expor a habilidade artística no papel.

Clube do Design

A rede social é extensão do site Clube do Design criado pelo arte-finalista e profissional freelancer Liute Cristian. Dirigido para quem quer aprender ou compartilhar conhecimentos do design gráfico. Os vídeos contêm análises de pôsteres de grandes produções do cinema, curso Adobe, Ilustrator, Photoshop, Indesign e orientações para se firmar na carreira. #SESC