Adolescência dos 2 anos, adolescência dos bebês, ou "terrible twos" - terríveis dois anos em inglês, é a fase que se inicia por volta dos 2 anos de idade, onde as crianças começam a se comportar de forma opositiva aos pais, e apresentam sinais de rebeldia [VIDEO].

Nessa fase, até mesmo as crianças mais boazinhas surpreendem os pais com birras, malcriações, gritos, berros, ficam mais agressivas quando sua vontade é contrariada, ou sempre que ouvem um não.

A mudança de comportamento [VIDEO]acontece, pois a criança se descobre como ser humano, percebe que é um indivíduo com desejos e opiniões próprias, o que gera um grande conflito de emoções, e não tem maturidade suficiente para lidar com as frustrações e descontentamentos, o que torna essa fase muito difícil para ela e para os pais.

Publicidade
Publicidade

Por isso, é necessário que os pais hajam com muita #compreensão, rotina, disciplina, regras, mantenham a calma e entendam que essa fase faz parte do desenvolvimento da criança.

Como lidar com a adolescência do bebê

Na adolescência dos 2 anos, os pais, sem saber como agir, ficam cheios de dúvidas e se perguntam: "O que fazer para lidar ou minimizar esse comportamento da criança? Como ajudá-la a lidar com tantas frustrações? Como reagir ao comportamento agressivo?"

Dicas aos pais de como ajudar a criança nessa fase:

- Não use violência, ou ameaças: alguns pais não sabem como agir, perdem o controle diante da situação e acabam dando palmadas, puxões de orelha, beliscões, castigos, ameaças e gritos. Porém, essas atitudes não ajudam nessa fase. Pelo contrário, atrapalham muito.

- Educação firme: os pais devem ser firmes, nunca ceder às vontades da criança.

Publicidade

Precisam impor limites e ensinar o que pode e o que não pode.

- Rotina: importante que as crianças tenham rotina, porém, que não sejam sobrecarregadas com muitas atividades, pois quando estão cansadas, estão mais propensas à ter a crise.

- Encorajar diante das #frustações: sempre que a criança não consegue concluir uma tarefa, pode se sentir frustrada, por isso, os pais precisam incentivá-la a continuar, sempre com carinho e calma, ajudando-a se necessário.

- Incentivar a independência: outro ponto importante é estimular a independência de forma coerente, deixando que a criança execute atividades de acordo com sua idade e capacidade, e permitir que ela tome pequenas decisões.

- Mostrar satisfação: Os pais precisam mostrar que estão satisfeitos com um bom comportamento, elogiar quando a criança realiza uma atividade com sucesso, bem como quando consegue se controlar diante da frustação.

- Na hora da crise: no momento da crise, o ideal é que os pais esperem para agir. Mudar o foco do que deixou a criança frustrada para acalmar e ter uma boa conversa, pois os pais precisam explicar o porquê de sua atitude, para que elas compreendam.

Publicidade

Por isso, para lidar com sucesso com a fase da adolescência dos 2 anos, os pais necessitam ter paciência, amor, carinho e compreensão, entendendo primeiramente que essa é uma fase de aprendizado, precisam também sinalizar o que é certo e o que é errado, para que as crianças cresçam com uma boa educação e percebam acima de tudo que são amadas. #Adolescencia