Publicidade
Publicidade

Vários brasileiros estão se mudando para a #Argentina com o intuito de estudar Medicina. Quer saber como fazer o mesmo? Acompanhe as dicas a seguir:

Qualidade do ensino argentino

A Universidade de Buenos Aires, UBA, é considerada a melhor universidade da Argentina, estando presente também na lista das 10 melhores universidades da América Latina. Além da UBA, também existe a universidade pública da Argentina, a UNR - Universidad Nacional de Rosario, que também conta com inscrições anuais gratuitas e está localizada em Rosário, bem próxima a Buenos Aires. Nenhuma delas cobra taxas ou o #Vestibular.

Como ingressar em uma universidade Argentina?

O primeiro passo é buscar uma agência que encaminhe seus documentos (CPF, RG, Certidão de Nascimento e Histórico Escolar) para um tradutor juramentado e, seguida, enviá-los para a universidade a fim de efetuar a matrícula.

Publicidade

A mais conhecida no Brasil e melhor avaliada é a Buenos Aires Educacional, que executa serviços essenciais, desde alugar um lugar provisório para que você fique até recepcioná-lo no aeroporto.

O segundo passo é fazer o curso de nivelamento, com conteúdos intermediários entre o Ensino Médio e o Ensino Superior. O ciclo básico comum dura 8 meses e conta com disciplinas de introdução ao pensamento científico, introdução ao conhecimento da sociedade e do estado, biologia, matemática, física e química. Dessa forma, o curso biomédico equivaleria ao ciclo básico brasileiro, com as disciplinas de anatomia, farmacologia, histologia etc.

Além do curso de nivelamento, é necessário ter o certificado de conhecimentos da língua espanhola, o DELE.

Custo de vida

O custo de vida na Argentina está entre R$1.000 e R$1.800.

Publicidade

Em Rosário, é possível alugar um apartamento com apenas R$600, enquanto que, em Buenos Aires, passa de R$1.000. Lembrando que a cotação muda quase todos os dias, hoje, R$1,00 está valendo 3 pesos, moeda usada na Argentina.

Cursos oferecidos

Os cursos são os mesmos que os oferecidos no Brasil, mas o mais procurado é o de Medicina. Como todos sabemos, ingressar em uma universidade pública, no Brasil, não é tarefa fácil e, ainda que haja universidades particulares que oferecem o curso, este costuma custar uma fortuna.

Dúvidas

Após o término do curso, se o aluno pretender exercer sua profissão no Brasil, ele deve pagar uma taxa para uma universidade federal fazer o processo do REVALIDA. Já quem cursou Medicina precisa fazer uma prova chamada também de REVALIDA. Segundo o IBGE, os alunos da UBA tem até 64% de aprovação ao ano. #ENEM