Publicidade
Publicidade

Alguém até poderia dizer que virou moda, mas acontece que a maioria dos pais brasileiros com um grau maior de conhecimento, sonha em poder enviar os seus filhos para estudar no Canadá.

Motivos não faltam para isso, tais como: #Estudar no exterior é uma experiência única conforme todos que já tiveram essa oportunidade, e o Canadá faz com que os jovens cresçam e amadureçam mais rapidamente do que se ficarem eternamente debaixo da proteção dos familiares.

Vale frisar que é totalmente possível poder cursar o ensino médio em terras canadenses; estudar os idiomas inglês ou francês (línguas oficiais do país) [VIDEO] e por fim, até fazer a graduação, cujos períodos de estudo são escolhidos pela família ou pela escola que sediará o jovem no estrangeiro.

Publicidade

Fique por dentro de algumas dicas para obter um bom intercâmbio no Canadá

Vantagens quando se estuda no Canadá

É uma das nações mais admiradas e desenvolvidas no mundo atualmente, recebendo hospitaleiramente os seus imigrantes e tendo uma qualidade de vida exemplar, acompanhada com a oferta de um ensino de qualidade e muita segurança dentro de suas fronteiras.

Se os jovens optarem por fazer o intercâmbio no Canadá, muito provavelmente usufruirão de uma ampliação nos seus horizontes pessoais ao se conviver com pessoas de diferentes nacionalidades e obrigatoriamente podem se tornar fluentes em mais de um idioma, o que é excelente para futuramente, poder escolher entre as inúmeras #Vagas de emprego naquele país.

Vale frisar que em todo o Canadá existem mais 10 mil programas de graduação, bem como, escolas renomadas que se dedicam ao ensino médio e também de vários idiomas.

Publicidade

Desvantagens para quem pensa em fazer intercâmbio no Canadá

A estação de inverno no Canadá é muito rigorosa, mas nada que bons casacos, roupas especiais para o frio e botas feitas para a neve não resolvam. Além do que, as residências canadenses, assim como as escolas, restaurantes, cafés e shoppings centers, foram construídos com calefação para suportar os dias de frio extremo.

Canadá com o seu ensino médio

Os alunos que quiserem estudar por seis meses ou até um ano do Ensino Médio canadense, poderão escolher se farão isso no 1º, 2º ou 3º ano. Os especialistas em Canadá sugerem que a escolha recaia sobre o 2º ano, uma vez que o jovem já é um pouco mais dono do próprio nariz, e assim, poderá retornar, terminando o 3º ano.

Por outro lado, independente do ano escolhido, é fundamental que os participantes falem o inglês ou o francês, a fim de acompanhar as aulas no Canadá.

As agências de intercâmbio ainda são os parceiros mais indicados para ajudar na escolha de uma escola adequada para os adolescentes, incluindo informações sobre as alternativas de cidade, dormitórios ou as bem conceituadas casas de família.

Ano letivo 'diferente' do brasileiro

Diferente do Brasil, o ano letivo no Canadá tem início no mês de setembro, indo até junho; sendo que, o 1º semestre começa em setembro até fevereiro.

Publicidade

Já o 2º semestre é de fevereiro até junho.

O período do gozo de férias, para que os interessados se programem adequadamente, é compreendido do final de junho até o início de setembro.

Intercâmbio no Canadá

Aos estudantes que forem para o Canadá estudar francês ou inglês, devem optar por uma escola especializada em idiomas ou, então, têm de contratar a assessoria uma agência de intercâmbio, que participa desde a requisição dos documentos de permanência até na escolha das casas de família para hospedagem.

A organização do “Rotary Club”, desde que a família do jovem pertença a mesma, é útil para fazer o intercâmbio de jovens de um país para o outro.

Como é feita a graduação no Canadá

Para aqueles que quiserem dar um passo além, como, por exemplo, se graduar no Canadá, a seleção para tanto ocorrerá mediante análise do histórico escolar, notas de exames, entre outros critérios; porém, muitos centros acadêmicos limitam o número de vagas para alunos do exterior. [VIDEO]

Por outro lado com antecipação prévia, não se custa tentar e o candidato é aconselhado a buscar diretamente a universidade pela qual nutre interesse e falar fluentemente o inglês ou francês. #Canadá