O skate longboard está na moda, mas já é um esporte antigo. A cada dia ganha adeptos mais fiéis e os que praticavam antes da tendência vão estar lá depois dela.

O "long", como é chamado pelos praticantes, tem se tornado um estilo de vida entre os jovens e os não tão jovens assim. Gabriel Mello, 20 anos, explica melhor: "ultrapassa a madeira e as quatro rodinhas, depois que você domina as habilidades básicas pra não cair no chão, uma manobra chama a outra. É quase uma dança. O vento no rosto, a sensação de ir o mais rápido que a gravidade puder te empurrar."

Há os que defendem que skate e longboard são coisas distintas.

Publicidade
Publicidade

"A diferença do long para o skate já começa pelo tamanho, o long foi feito para velocidade e manobras em velocidade, já o skate para manobras mais lentas ou até parado." Conta Guilherme Chaves, 19 anos.

Proteção

O equipamento de proteção é essencial. Tombos, ralados e cortes acontecem e fazem parte do aprendizado. Os adolescentes começam a praticar o esporte, mas adquirem traumas, que foi o caso da Maísa Rezende, 19 anos. Quando entrevistada, frisou: "Não esquecer de comprar equipamento para proteger, esse é o essencial! Já cai várias vezes e tenho muitas marcas por que não estava com os equipamentos. Hoje vejo que te ajuda nas horas de sufoco".

Manobras

Existem várias, quase todas feitas com o skate também. As principais são slide, nose blunt e nose manual. Guilherme fez uma breve descrição: "O slide é uma derrapagem com o long, vem em velocidade constante até que em certo momento você joga a rodas traseiras do long e depois volta.

Publicidade

O nose manual consiste na capacidade de andar com o long com as duas rodas da frente no ar, pisando na parte de trás. E o nose blunt é o inverso, com as rodas de trás no ar."

"Manobras vêm da criatividade humana e ainda não acharam limites para ela. Todo dia alguém inventa uma nova". Finaliza Gabriel.

Preconceito

Ele existe, mas é mais de pessoas leigas do que dos próprios usuários. Maísa explica que: "as pessoas classificam vários esportes como esporte para homens e long é um deles". Porém os homens já gostam de mulheres que andam de longboard. Gabriel finaliza: "Vem aumentando, mas ainda é muito raro ver meninas praticando. Há muitas que compram só para tirar foto e porque está na moda, e existem umas que realmente vão para cair, se ralar e aprender".

Quem sabe um deles seja você?

Ficou com vontade de aprender? #Entretenimento