A lenda do futebol brasileiro, Pelé, foi internado no Hospital Albert Einstein na terça-feira com uma infecção urinária, duas semanas após passar por uma cirurgia de rim no mesmo local para a remoção de pedras. O antigo jogador de 74 anos está no hospital em São Paulo recebendo tratamento de suporte renal, o que ajuda os rins a filtrarem os resíduos do sangue após a cirurgia, para remover pedras nos rins. Ele não está em uso de drogas vasoativas ou outras terapias de apoio, disse o hospital.

Pelé, muitas vezes chamado de o maior jogador da história, sofreu uma longa lista de problemas de saúde na última década, incluindo a cirurgia do olho de emergência por um descolamento de retina e uma substituição da anca.

Publicidade
Publicidade

Seu empresário, Paul Kemsley, disse que ele era esperado para fazer um check up completo e os relatos de sua condição estão sendo "muito exagerados".

Pelé divulgou um comunicado no Twitter, na quinta-feira à noite para assegurar a seus seguidores que ele estava se recuperando: "Olá a todos, eu quero aproveitar esta oportunidade para que vocês saibam que eu estou bem."

Foi lido um comunicado do hospital mais tarde dizendo: "O Albert Einstein informa que o paciente Edson Arantes do Nascimento (Pelé) foi admitido com instabilidade clínica. Para receber o melhor atendimento, ele foi transferido para ser monitorado em uma unidade de cuidados especiais. O hospital será atualizado quando houver novas informações ".

O assessor de Pelé, José Fornos Rodrigues, disse que a estrela simplesmente queria mais privacidade.

Publicidade

"Vai levar entre 8 a 10 dias antes que ele possa deixar o hospital", disse à imprensa.

Conhecido como "o rei do futebol" no Brasil, Pelé disputou quatro Copas do Mundo e ajudou o Brasil a vencer o torneio mundial três vezes - 1958, 1962 e 1970. Foi ainda um vencedor em conjunto com o argentino Diego Maradona, do prêmio da Fifa para o jogador do século 20.

Apesar de não ser universalmente amado no Brasil, o seu título honorário de "Bola d'Ouro", ganho em Zurique esse ano foi festejado pela mídia brasileira. #Famosos