Neste domingo (25), aniversário da cidade de São Paulo, quem ganhou o presente foi a torcida do #Corinthians, que conquistou hoje pela quinta vez a Copa São Paulo de #Futebol Júnior, também conhecido nos meios futebolísticos como "Copinha". Após abater o Botafogo-SP num placar magro de 1 x 0, mais uma vez a taça foi levantada pelo Timão no estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Pacaembu. O Corinthians é o maior campeão da história da competição, totalizando agora 7 títulos. 

A Copa São Paulo é disputada desde 1969, quando ainda era chamada de Taça São Paulo, e até o ano de 1971 contava apenas com times do Estado de São Paulo em suas chaves. Em 1987, o então prefeito Jânio Quadros não quis que a prefeitura assumisse as despesas da competição e o torneio não foi realizado.

Publicidade
Publicidade

Embora seja um campeonato sub-20, a ampla participação de times de todas as regiões brasileiras e a acirrada e normalmente equilibrada disputa dos juniores atrai muita atenção da imprensa, dos fãs de futebol e especialmente de empresários atentos ao mercado de futuros talentos. Esse ano, destaque para as "maria-chuteiras", que compareceram ao evento em larga escala, chegando a parecer que ali iria acontecer um show de sertanejo em vez de uma partida de futebol.

O Corinthians esteve com mais posse de bola durante todo o jogo, e o ataque, a despeito do magérrimo placar, ficou com os créditos da partida. A bola murcha ficou para o goleiro Talles, do Botafogo-SP, pois o jogador vinha de uma série de ótimas partidas com seu time, no qual teve participação fundamental, mas a falha aos 21 minutos do segundo tempo fez com que o gol de Maycon encerrasse a chance do time do interior ser campeão nessa edição.

Publicidade

Ontem o Corinthians enfrentou o Corinthian-Casuals, o time que deu origem ao clube paulistano, e a matéria pode ser lida clicando aqui.

O ano promete e os torcedores estão animados com o desempenho do clube esse ano. A expectativa agora é para o início do Campeonato Paulista, mas até lá, os corintianos de carteirinha ainda terão o Carnaval, festa em que a Gaviões da Fiel comanda a festa.

Corinthians
Caíque, Léo Príncipe, Rodrigo San, Rafael Augusto e Guillherme Arana; Marciel, Maycon, Matheus Vargas, Marcinho (Lauder), Yan (PC) e Gabriel Vasconcelos 
Técnico: Osmar Loss

Botafogo-SP
Talles, Giovani (Carlos), Caio Ruan, João Neto e Mayc; João Vitor, Túlio Souza (Daniel), Alex e Wesley; William (Erik) e Isaac 
Técnico: Rodrigo Fonseca