Existem 4 jogadores que estão disponíveis no mercado, e que podem ser úteis para qualquer time que necessite de um reforço, sem precisar desembolsar uma alta grana.

São jogadores de qualidade reconhecida, mas que não faziam mais parte dos planos dos times que defenderam na temporada passada. Veja abaixo a lista detalhada desses atletas.

O volante Fahel, de 33 anos, após 4 temporadas jogando no Bahia, não teve seu contrato renovado. Esse desfecho aconteceu devido a vários fatores: as eleições, a troca de diretoria, o rebaixamento do clube para a segunda divisão e o fim de seu contrato. O jogador é bastante rodado, e teve uma longa experiência no #Futebol português, e pode ser uma boa opção para um clube que queira um volante de pegada, que se 'entrega' muito nas partidas.

Publicidade
Publicidade

O goleiro Felipe, de 30 anos, que jogou 4 temporadas como titular do Flamengo. Mas apesar disso, estava sem jogar desde julho de 2014 devido à indisciplinas, o que culminou em sua demissão no mês passado. Felipe chegou ao Flamengo para substituir Bruno, que em 2010 foi afastado do clube por causa de seu envolvimento com a morte de Eliza Samudio. Na sua passagem no Corinthians, apesar dos problemas disciplinares, foi protagonista dos títulos do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil, ambos em 2009. Ele é uma boa opção para o clube que esteja precisando de um goleiro seguro e experiente.

O atacante Jô, de 27 anos, que após ter sido fundamental para o Atlético MG  na conquista da Libertadores de 2013  e ter disputado a copa do mundo 2014 pela seleção brasileira, se tornou dispensável no Galo.

Publicidade

Após vários atos de indisciplina no clube, como o de levar mulheres para as concentrações, o Atlético MG não deseja contar com ele em seu elenco, e liberou seu empresário para negociá-lo com times da China. Isso porque o clube mineiro quer se livrar de vez do jogador, pretendendo vendê-lo por pelo menos R$ 9 milhões. Mas se algum clube brasileiro se interessar é só sentar e conversar com seu empresário. Ele é uma boa opção para o ataque de qualquer equipe, pois é um excelente jogador de área.

O meia-atacante Jorge Henrique, de 32 anos, chegou ao Internacional em junho de 2013, mas sua passagem no clube gaúcho foi decepcionante, não repetiu suas atuações da época do Corinthians, quando foi fundamental nas principais conquistas do clube paulista de 2009 a 2013, quando conquistou uma Copa do Brasil, dois Campeonatos Paulistas, uma Recopa, uma Libertadores , um Campeonato Brasileiro e um Mundial de Clubes. No começo desse ano falou que tinha uma lesão muscular, mas algumas atitudes fora do clube irritaram os torcedores e dirigentes do Internacional. Em virtude disso, o clube gaúcho o deixa à disposição para clubes interessados - o Vasco já demonstrou certo interesse no atleta. Ele é uma boa opção para um clube que queira um jogar obediente taticamente, rápido e habilidoso. #Entretenimento