Parece que a situação da Sauber mudou da água para o vinho, se for compararada com o desempenho da equipe no ano passado, em que não conseguiu sequer marca um ponto. A Sauber C-34 Ferrari pilotada pelo brasileiro Felipe Nars fez a melhor volta do dia, no terceiro dia de teste da Fórmula 1 no circuito de Jerez de La Frontera, na Espanha.

A escuderia Sauber que surpreendeu a todos nos dois primeiros dias de testes do ano na Fórmula 1, colocando seus dois pilotos em segundo na tabela de tempos, mostrou novamente a força da equipe e andou na frente dos demais concorrentes na maior parte do terceiro dia de testes.

A Sauber C-34 Ferrari guiada pelo brasileiro Felipe Nars cravou 1m 21.545s e fez a melhor volta do dia, seguido de perto pelo finlandês da Ferrari, Kimi Raikkonen, que fez 1m 21.750s.

Publicidade
Publicidade

O brasileiro que completou 108 voltas no circuito, colocou 0,437s na Mercedes guiada pelo alemão Nico Rosberg, que terminou o teste em terceiro, e 0,731s em cima da Williams do compatriota Felipe Massa, que ficou em quarto.

Os testes começaram com a pista úmida e o brasileiro Felipe Nars começou o treino com pneus para pista molhada, situação que fez Nars rodar na pista e fazer a Sauber desistir de continuar no treino na parte da manhã. Depois do almoço as condições da pista melhoraram e Nars, agora usando diferentes tipos de compostos de pneus para pista seca, dominou a parte da tarde dos treinos em Jerez.

Felipe Nars sobre o terceiro dia de testes de Jerez de La Frontera na Espanha comentou: “Foi mais um dia positivo. Nós fizemos uma boa quilometragem e fomos capazes de obter uma melhor compreensão do carro.”

O brasileiro Felipe Nars nasceu em Brasília e tem 22 anos. Antes de chegar à Fórmula 1, correu de kart no Brasil, onde foi cinco vezes campeão em sequência.

Publicidade

Depois teve passagem vitoriosa na Fórmula BMW e Fórmula 3 Inglesa, onde foi campeão nas duas categorias. Já na GP2, Nars apareceu para o mundo, e logo seu talento foi reconhecido pela a equipe Williams que o contratou como piloto de testes. E agora em 2015, o brasileiro está se tornando, com os resultados nos testes na Espanha, a grande esperança brasileira para a Fórmula 1. #Entretenimento #Automobilismo