Anderson está há 8 anos na Europa e atualmente havia sido emprestado pelo Manchester United para a equipe italiana da Fiorentina, por 1 ano. A negociação parece ter evoluído, pelo fato do clube inglês estar querendo recuperar parte do investimento feito oito anos antes. Nesta ocasião, desembolsou mais de 30 milhões de euros ao tirar o meio-campista do Porto, de Portugal.

Em julho, Anderson terá seu contrato com os ingleses expirado, ficando assim livre para firmar pré-contrato com qualquer outro clube. Comenta-se em Porto Alegre que o jogador estaria voltando ao Brasil para atuar no colorado gaúcho com um salário de 3,5 milhões de euros (em torno de R$ 10,5 milhões).

Publicidade
Publicidade

Anderson deverá receber em torno de 500 mil por mês, por um contrato que terá a duração de 4 temporadas.

Reforço para a Libertadores

Desde que assumiu a gestão do Inter, o presidente Vitório Pífero fez apenas contratações pontuais, visando qualificar sua equipe com jogadores de posições que eram consideradas necessitadas. A vinda de Anderson certamente está sendo feita com este pensamento. O objetivo maior é a disputa da Copa Libertadores da América, na qual o Inter busca o tri-campeonato. Soma-se ainda o desejo da imensa maioria dos torcedores do clube em disputar o campeonato nacional com um plantel mais qualificado. Ser campeão brasileiro é uma ambição que o clube persegue há muitos anos. E para um clube que já venceu três campeonatos brasileiros, o sonho de obter está conquista está mais vivo do que nunca.

Publicidade

O porto-alegrense Anderson viveu momentos de alta na Europa jogando pelo Manchester, mas enfrentou problemas extra-campo, entrou em atrito com o técnico Ferguson e terminou ficando em plano inferior até que fosse emprestado para a Fiorentina. Ele está completando 27 anos e certamente ainda não voltaria ao Brasil, caso estivesse em situação de destaque e assim, o Inter dificilmente poderia bancar uma contratação desse nível. Mas a direção colorada, que chegou a cogitar o colombiano Sherman Cárdenas, sabe que é grande a necessidade de um jogador que tenha as características que o ex-gremista possui.

Mesmo que exista prós e contras nesta nova aquisição, não resta dúvidas de que Anderson é uma grande novidade que empolga torcedores e mexe com a famosa rivalidade da dupla grenal. #Negócios #Futebol