O Santos #Futebol Clube fez a sua estreia no Campeonato Paulista em grande estilo, ao bater o Ituano pelo placar de 3x0, na Vila Belmiro. Os gols foram marcados por Geuvãnio (2) e Chiquinho, que fazia sua estreia no Santos.

O jogo foi muito bem aberto, com o atual campeão paulista fazendo uma boa marcação no meio campo santista. Mas os bons toques de bola do meio e ataque alvinegros, cadenciaram a partida e aos 5 minutos, Geuvânio acertou um belo chute no angulo do goleiro Diego Neto. Estava aberto o placar na Vila.

Mesmo com o gol, o Ituano não se abateu e foi ao ataque. Tanto que, alguns minutos após o gol santista, o time do interior chegou a chutar uma bola na trave do goleiro Vladimir.

Publicidade
Publicidade

O Santos voltou a cadenciar o jogo e, aos 29 minutos, Lucas Lima cobrou a falta na barreira, e no rebote, o estreante Chiquinho acertou um belo chute para ampliar o placar para o time praiano.

O Santos viria a perder mais algumas chances, mas o panorama da partida não mudaria muito. Com uma postura melhor do que na primeira etapa, o Santos chegou ao terceiro gol, aos 10 minutos, após tabela entre Geuvânio e Lucas Lima, com a finalização do camisa 45 para o gol.

Ainda sobrou tempo para as reestreias de Ricardo Oliveira e Elano, que foram muito ovacionados pelo 9.121 pagantes na Vila. Fim de jogo e o Santos ocupa o primeiro lugar do grupo 4.

Na reedição da final do Paulista do ano passado, deu Santos.

Morre Dalmo Gaspar

Apesar da vitória do Santos, o clube amanheceu em luto pela morte do ex-jogador Dalmo Gaspar, que estava internado em Jundiaí, interior de São Paulo, por conta de mal de Alzheimer.

Publicidade

Dalmo marcou o gol mais importante da história do Santos, na final do Mundial Interclubes, contra o Milan, no Maracanã, em 1963. Ele estava com 82 anos. Além de ser Bicampeão Mundial, conquistou também o Bicampeonato da Libertadores em 62 e 63, o campeonato Paulista: 1958, 59, 60, 61, 62 e 64, Três Rio - São Paulo 1959, 63 e 64 e o Campeonato Brasileiro nos anos de 1961, 62, 63 e 64. Aposentou-se no Paulista de Jundiaí.