Sebastian Vettel vence o Grande Prêmio da Malásia, numa corrida que brilhou a estratégia da escuderia italiana Ferrari. A Ferrari aproveitou a entrada de Safety Car no início da corrida para montar a estratégia vitoriosa de Vettel neste domingo (29).

Pela primeira vez, depois do ano passado, em que a Mercedes dominaram a Fórmula 1, a Ferrari mostrou que a equipe alemã não é imbatível. Sebastian Vettel largou em segundo no Grid da Malásia, e com muito talento e arrojo levou à escuderia a vitória.

A Corrida

A corrida do Grande Prêmio da Malásia começou sobre forte calor, o que provocou grande preocupação das equipes de qual composto de pneus utilizar. Lewis Hamilton, primeiro no Grid, largou bem, e se manteve na frente de Vettel até a entrada do Safety Car, onde brilhou a estratégia italiana de manter o alemão na pista.

Publicidade
Publicidade

Tanto as Mercedes, como as demais equipes, pararam nos boxes para fazerem a troca de pneus, mas o time italiano preferiu deixar Vettel na pista e retardar a parada nos boxes.

A estratégia do time italiano funcionou, deixando Vettel na frente das duas Mercedes, e conseguindo a primeira vitória do time italiano na temporada, quebrando a hegemonia das Mercedes na Fórmula 1.

Com o resultado, o pódio do Grande Prêmio da Malásia teve Sebastian Vettel em primeiro com a Ferrari, seguido de Lewis Hamilton em segundo, e Nico Rosberg em terceiro, ambos da escuderia Mercedes. A equipe italiana ainda fez o quarto lugar da corrida com o finlandês Kimi Räikkönen, que sofreu com um pneu furado logo no início da corrida, e teve que fazer uma corrida de recuperação.

Mesmo com o jogo de estratégia perfeita, a Ferrari também mostrou que pode disputar o título contra as Mercedes.

Publicidade

A equipe andou muito bem, tanto utilizando composto de pneus médios como os duros.

Com o resultado do Grande Prêmio da Malásia de Fórmula 1, Sebastian Vettel assumiu a vice liderança do mundial, que ainda tem o inglês Lewis Hamilton liderando. A próxima etapa da categoria está marcada para acontecer no dia 12 de abril, na China, no circuito de Xangai. #Entretenimento #Automobilismo