Depois de um desempenho fantástico na Austrália, pela equipe suíça Sauber, muitos estão se perguntando quem é Felipe Nasr. Porém, o brasileiro não chegou à Fórmula 1 por acaso e sua carreira sempre foi de superação, recheada de bons resultados e títulos. Nasr demonstrou na Austrália que não é apenas um piloto que trouxe uma das maiores estatais brasileira para a Fórmula 1, o Banco do Brasil. Além do alto investimento que seu patrocinador fez no seu talento, ele correspondeu na pista com um quinto lugar sensacional.

Felipe Nasr, 22 anos, nascido no dia 21 de agosto de 1992, é de Brasília, capital do Brasil. Nasr iniciou sua carreira aos sete anos no Kart, onde foi campeão do campeonato brasiliense por cinco vezes seguidas entre 2000 e 2004.

Publicidade
Publicidade

Já no brasileiro de Kart, Nasr foi vice-campeão em 2001 e 2002. Em 2004, foi campeão da Copa Brasil de Kart. Em 2005 foi campeão do Centro-Oeste e em 2006 foi campeão do brasileiro. Felipe, em 2007, conquistou o bicampeonato da Copa Brasil e foi campeão do Sudam.

Sua carreia em monopostos começou em 2008, onde fez alguns testes com a intenção de chegar a Fórmula 1. Testou na Fórmula Renault e Fórmula 3. Em 2009, foi convidado pela Fórmula BMW para disputar a última corrida em Interlagos. Com o bom desempenho na categoria, o brasilense foi convidado para fazer um teste e bateu o recorde da categoria no circuito de Interlagos. Com isso, Nasr foi incentivado a correr na Fórmula BMW, que fazia as preliminares da Fórmula 1 na Europa. Logo na sua primeira temporada em monopostos, Felipe foi campeão da categoria, com 5 vitórias, 14 pódios, 6 poles e 392 pontos.

Publicidade

Em 2010, Nasr migrou para a Fórmula Inglesa, e em 2011 conquistou o título da categoria com 7 vitórias, 16 pódios e 4 poles. Em 2012, o brasileiro foi para a GP2, categoria de acesso a Fórmula 1, levando o patrocínio do Banco do Brasil. Nasr obteve seu melhor resultado na categoria na temporada de 2014, onde brigou pelo título e acabou em terceiro lugar no campeonato. No mesmo ano, Felipe no dia 22 de fevereiro de 2014, foi contratado como piloto de testes da Williams, equipe da Fórmula 1. Nasr estreou na categoria principal dos monopostos nos treinos livres oficiais do GP de Bahrein, e em novembro de 2014 foi contratado pela Sauber, equipe da Fórmula 1, para ser piloto titular da escuderia em 2015.

O excelente desempenho em monopostos traz a esperança dos brasileiros de finalmente temos, em breve, novamente um campeão na Fórmula 1. O arrojo demonstrado na Austrália, com uma pilotagem limpa e ao mesmo tempo agressiva, já o credencia como uma das maiores promessas da Fórmula 1 moderna. Felipe Nasr do Brasil despertou a esperança dos brasileiros que se lembram das manhãs de Ayrton Senna vencendo as corridas de forma sempre espetacular. É um grande piloto sem dúvida, e a maior promessa brasileira para a Fórmula 1 atualmente. #Entretenimento #Automobilismo