Dia de super clássico na Arena Itaquera. #Corinthians e Palmeiras se encontram na semifinal do Paulistão 2015. Devido a fase maravilhosa do Timão, o favoritismo era preto e branco, mas favorito nem sempre vence. O Verdão abre o placar, a partir de uma cobrança de escanteio que sobra para Vitor Ramos encher o pé e conferir o primeiro gol do jogo. O Corinthians contra-ataca, e em jogada de bola parada, aparece Danilo, subindo no "terceiro andar", após lançamento de Jadson, para cabecear e empatar a partida.

Jogo empatado e as torcidas vibrando com seus times. Clima de rivalidade, mas de muita doação também por ambas as equipes.

Publicidade
Publicidade

Foi quando o colombiano Mendoza, de repente, resolveu mostrar porque faz parte do elenco corintiano. Numa arrancada, um tanto despretensiosa, pela esquerda, ele cisca para um lado, para o outro, e solta um belo chute cruzado, com endereço destinado ao canto esquerdo do goleiro Fernando Prass, de virada, Corinthians 2X1 Palmeiras.

Segundo Tempo

Os clubes mantém o jogo com oportunidades para ambos. o Palmeiras teve um chute de Dudu Cearense na trave, que por pouco não entra. Mendonza, realmente, estava a fim de aparecer e criou mais uma bonita jogada, que por falta de rapidez na definição, não teve êxito.

Existiram outras boas chances, para ambos os times, porém, houve uma falta na linha intermediária e o perigo da jogada aérea, eminente na partida, acabou por definir mais um disputado duelo entre os grandes rivais paulistas.

Publicidade

No cruzamento de Dudu Cearense, o atacante Rafael Marques, em disputa com Fabio Santos, quase que atrasado, acerta um lindo "peixinho", daqueles para lavar a alma palmeirense. A bola entrou em diagonal no canto direito do arqueiro corintiano, Cássio, que nada pode fazer, tudo igual no placar: Corinthians 2X2 Palmeiras.

Pênaltis

Final do embate, a decisão da disputa foi para os pênaltis. O Palmeiras desperdiçou a primeira cobrança, com Robinho, que chutou por cima do gol de Cássio. Todos os outros jogadores de ambos os times marcaram, até a última cobrança, na qual, o volante Elias do Corinthians poderia ter definido para o Timão, mas esbarrou na boa defesa do goleiro Fernando Prass. Com isso, as penalidades foram para a série das alternadas, na qual, o meia corintiano Petrus também esbarrou no bom goleiro palmeirense, que garantiu a classificação do Verdão para a final. #Futebol