Recentemente, foi divulgado que a Band disputou pelo direito de exibir a Superliga de vôlei, pois, nos últimos anos, houve o monopólio da Rede Globo, que perdeu o direito de transmissão para a Rede TV. No entanto, mesmo não conseguindo os direito de transmissão da Superliga, a Bandeirantes anunciou que vai transmitir oito campeonatos voleibol em 2015.

Mudança já começa em Maio

Os telespectadores não precisarão esperar muito. A partir de maio, será possível acompanhar também pela emissora, campeonatos mundiais de voleibol de quadra e também de praia. Os campeonatos são os seguintes: Grand Slam de #Vôlei de Praia, masculino e feminino; Copa do Mundo de Vôlei (quadra), masculino e feminino; Liga Mundial de Vôlei (masculino) e Grand Prix de Vôlei (feminino).

Vale lembrar que a fase final da Liga Mundial de Vôlei, terá como sede o Rio de Janeiro, já como evento teste para as Olimpíadas de 2016.

Publicidade
Publicidade

E pelos números divulgados até então pelo Comitê Olímpico Organizador do Rio 2016, voleibol é o esporte mais procurado com mais de 1.2 milhão de pedidos (com apenas uma semana de abertura da venda de ingressos).

O canal da Band na TV a cabo, BandSports, já possuía espaço para transmitir ligas italianas de vôlei e campeonatos europeus.

Vôlei é o 2º esporte mais popular do país

É de conhecimento geral, que o voleibol alcançou o status de 2º esporte mais popular do Brasil, e nos últimos 15 anos é o que trouxe mais títulos ao país. Só no vôlei de quadra, contando medalhas olímpicas, o Brasil é o 2º país do mundo em maior número de medalhas, com um total de 9 (sendo 4 de ouro, 3 de prata e 2 de bronze) perdendo apenas para a antiga União Soviética com 12 (7 de ouro, 4 de prata e 1 bronze).

Publicidade

Apesar dos números, a grade de programação dos principais canais de TV aberta e TV a cabo, não dão tanto prestígio ao vôlei como deveria ser. Contudo, tudo indica que neste ano de 2015, teremos atualizações sobre isso, com uma mudança de comportamento das emissoras.

Não dá para saber se é devido a aproximação dos jogos olímpicos ou apenas por estratégia de audiência com os famosos encaixes nos buracos de suas programações, mas no fim de tudo isso, quem ganhará será o público. #Opinião #Rio2016