A primeira partida da final do Campeonato Gaúcho de #Futebol foi disputada na Arena do Grêmio, e terminou com um empate sem gols entre o Tricolor Gaúcho e seu grande rival, o Internacional. Foi um duelo disputado com intensidade e muita garra pelas duas equipes, pois o ingrediente principal para um confronto acirrado foi  a eterna rivalidade entre as duas equipes.

O Tricolor dos Pampas conseguiu segurar a pressão do time Colorado, que apesar de ter jogado em território "inimigo", praticamente partiu para cima do adversário durante os 90 minutos, e só não fez o gol porque o goleiro gremista Marcelo Grohe estava em uma tarde inspirada.

Publicidade
Publicidade

Mas o Grêmio também jogou de maneira ofensiva, procurando o gol a todo  momento, sem esquecer também de ser combativo, o mandante do confronto jogou duro, mas sem ser desleal.

As duas equipes também se destacaram defensivamente, pois a zaga dos rivais prevaleceu sobre os ataques, contando principalmente com a colaboração decisiva dos goleiros Grohe e Alisson. E a superioridade das defesas sobre os ataques foram os símbolos da igualdade sem gols, e esse placar refletiu também o equilíbrio entre os dois clubes, que possuem jogadores de qualidade em seu elenco e são dirigidos por técnicos com visibilidade internacional.

Uma das novidades do clássico foi a continuidade da torcida mista, que vem sendo interessante para a volta das famílias nos estádios de futebol do Brasil, pois é uma iniciativa que vem obtendo relativo sucesso, pois esse foi o segundo duelo entre as duas equipes com os torcedores misturados, e não houve registro de nenhum ato de violência nem dentro e nem fora da arena.

Publicidade

Os rivais gaúchos estão mostrando que é possível sim a convivência pacífica entre torcedores rivais ocupando os mesmo espaços nas arquibancadas, que é possível que a rivalidade seja somente na disputa em campo e que pode sim haver civilidade, cordialidade e respeito entre esses torcedores.

Com o resultado do primeiro jogo, o Internacional terá que vencer no Beira-Rio, por qualquer placar, para se sagrar campeão do Gauchão 2015. Já o Grêmio poderá empatar, com gols, para levantar a taça do torneio. Mas se acontecer um novo 0x0 a disputa irá para as penalidades. Agora é só esperar quem vai comemorar a conquista do título no Rio Grande do Sul, a torcida tricolor ou o torcedor colorado. #Jogos #Resenha Esportiva