Em jogo válido pela Copa Libertadores 2015, nesta quarta-feira (1), a equipe do São Paulo jogou bem na Argentina, mas foi derrotada pelo San Lorenzo. Agora as duas equipes tem 6 pontos na tabela do Grupo 2 da competição, empatados na segunda posição, mas a equipe do 'Morumbi' está na frente por ter 2 gols de saldo melhor que os argentinos, deixando a disputa pela segunda vaga acirrada.

Pré-Jogo

A equipe do São Paulo enfrentou dificuldade para chegar a tempo para o jogo contra os argentinos. O ônibus do tricolor ficou preso no intenso trânsito de Buenos Aires, o que fez o time chegar ao estádio 'Nuevo Gasometro' somente as 19h20, faltando 25 minutos para o início do jogo.

Publicidade
Publicidade

A CONMEBOL (Confederação Sul-Americana de #Futebol), vendo os problemas enfrentados pelo o time do Brasil, decidiu adiar a partida para as 19h55, mas o jogo só começou mesmo as 20h02.

O Jogo

O jogo começou com a equipe da casa pressionando. O San Lorenzo usou muito o lado direito do tricolor e assustou em vários lances. Apesar do início frenético dos argentinos, a equipe do São Paulo apresentou um bom comportamento em campo, equilibrando a partida a partir dos 10 minutos do primeiro tempo. Aos 27 minutos, o tricolor começou a tocar a bola e passou a controlar o jogo, e o San Lorenzo assustava nos cruzamentos na área. Em jogo equilibrado no primeiro tempo, a partida terminou ao final da primeira etapa em 0 a 0.

O segundo tempo começou com o São Paulo pressionando o San Lorenzo, a exemplo do segundo tempo contra o Linense, pelo Campeonato Paulista 2015, no último domingo (29).

Publicidade

Pato e Centurión buscaram o tempo todo o gol dos argentinos. Centurión apareceu bem pela esquerda duas vezes, mas não conseguiu finalizar os lances.

Aos 25 minutos do segundo tempo, num lance de 'rara felicidade' dos argentinos, gol do San Lorenzo. O atacante Cauteruccio recebeu chutão da sua área, e contando com muita sorte, conseguiu aplicar um chapéu em Rafael Toloi, saindo na cara do Rogério Ceni, e soltando uma bomba, a bola entrou no alto do gol do goleiro do São Paulo.

A partir daí, o São Paulo se lançou ao ataque em busca do gol de empate. Michel Bastos arriscou chutes de longe duas vezes, levando perigo ao gol do San Lorenzo. Ganso e Centurión também tentaram furar o bloqueio dos argentinos, porém não alcançaram sucesso. Final de partida, São Paulo 0, San Lorenzo 1.

O São Paulo volta a campo pela 'Libertadores' no dia 15/04, contra o Danúbio fora de casa, no estádio 'Jardines Del Hipodromo', as 22h00. Somente a vitória interessa ao time do 'Morumbi' daqui para frente na competição continental.