São Paulo e Atlético-MG entraram em campo pela Libertadores da América 2015. Enquanto o São Paulo venceu o Danubio fora de casa por 2x1, o Atlético-MG perdeu para o Atlas e se complicou na competição.

No estádio Luiz Franzini, na capital uruguaia, o São Paulo teve dificuldades contra uma das piores equipes desta edição da Libertadores. Jogando sem nada a perder, os uruguaios do Danubio entraram em campo relaxados e dificultaram as ações do São Paulo no primeiro tempo. Apenas a partir dos 22 minutos, foi que o goleiro Torgnascioli precisou mostrar serviço, em cabeçada de Pereira.

No começo do segundo tempo, um chute de longe e despretensioso de Sosa, aproveitando rebote e contando com falha bisonha de Rogério Ceni, abriu o placar.

Publicidade
Publicidade

Em desvantagem, Milton Cruz tirou Rodrigo Caio e colocou Luis Fabiano. A mudança deu resultado. Com um atacante a mais em campo, o São Paulo dominou a partida e brilhou a estrela de Michael Bastos. Aos 15 minutos, ele cruza e Alexandre Pato empata o jogo. Centurion entrou no lugar de Paulo Miranda e virou o jogo no apagar das luzes, deixando a classificação do São Paulo para as oitavas mais tranquila.

No tradicional estádio Jalisco, em Guadalajara no México, o Atlas recebeu o Atlético-MG, ainda com chances de classificação. Além de ter um elenco limitado, a equipe atleticana praticamente não jogou diante dos mexicanos. O bom goleiro Victor salvou o Galo em, pelo menos, três oportunidades. Porém, aos 38 minutos, González na entrada da área bateu sem chances e marcou o gol do jogo.

No segundo tempo, a equipe de Levir Culpi continuou apática em campo.

Publicidade

Mesmo com Guilherme e Cádenas em campo, o Galo nada fez para merecer ao menos o empate. Com a derrota, o Atlético-MG precisará vencer o Colo-Colo de qualquer forma para se classificar.

Pelo mesmo grupo do Atlético-MG, o Colo-Colo perdeu em casa para o Santa Fé da Colômbia por 3x0 Pelo grupo 6, o River Plate se classificou em segundo lugar ao vencer os bolivianos do San José por 3x0, em Buenos Aires. O primeiro lugar do grupo ficou com o Tigrês do México, ao vencer o Juan Aurich por 5x4. #Futebol