Neste sábado (11), às 15h00 (horário de Brasília), o Barcelona enfrentou o Sevilla em partida válida pela 31ª do Campeonato Espanhol.

O jogo aconteceu no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, casa do time de Sevilha. A equipe do brasileiro #Neymar saiu na frente com dois gols de vantagens, mas viu o time mandante empatar no segundo tempo.

O Jogo

O time do técnico Luis Henrique começou o jogo com o trio Messi, Neymar e Súarez compondo o ataque, mas foi o Sevilla que logo no primeiro minuto assustou a defesa catalã com um cruzamento feito pela direita, a bola desviou na zaga e Vitolo perdeu o lance chutando para fora.

O Barcelona visando diminuir a empolgação do time adversário começou uma ótima troca de passes e a criar as primeiras oportunidades no jogo.

Publicidade
Publicidade

Em boa jogada de Iniesta, que ainda não anotou gols no Campeonato Espanhol, o meia chutou de longe e o goleiro Rico saiu para fazer a primeira defesa do duelo.

Aos 13 minutos, com linda assistência de Neymar para o companheiro Messi que recebeu livre pela esquerda saiu o primeiro gol do Barça. O astro argentino dominou com qualidade e finalizou bem no cantinho, sem chances para o goleiro de Sevilla.

Com este gol, o líder Barcelona abria quatro pontos de vantagens sobre o rival Real Madri na competição. Por outro lado, o Sevilla continuaria na cola do Valencia em quinto lugar.

Aos 26, o meia Krychowiak comete falta dura em Súarez. O uruguaio lançaria Neymar com uma bela jogada, mas no momento exato foi travado pelo meia que recebeu cartão amarelo pelo perigo do lance.

Quem foi para a cobrança foi o camisa 11 Neymar, que cobrou colocado no ângulo ampliando para o Barcelona.

Publicidade

Com esse golaço, o brasileiro encerrou o jejum de sete jogos sem marcar gols.

Aos 32, o Barça parecia já dominar o jogo e com tabelinha entre Neymar e Súarez o uruguaio quase faz o terceiro gol do jogo.

O Sevilla, que até o momento não trazia mais perigo ao goleiro Bravo, começa boa jogada pela esquerda com cruzamento de Trémoulinas desviado pela zaga, e aos 37 minutos a bola sobra nos pés do meia Banega que finalizou com um forte chute de fora da área. Banega vê o time crescer e quase 1 minuto depois tem a chance de outra finalização, mais foi travado na hora exata.

No segundo tempo, a equipe do Sevilla voltou com tudo. Já no primeiro minuto, Iborra levou cartão amarelo por falta dura em Súarez. O time da Sevilha seguia vivo no jogo e corria atrás do empate contra o Barcelona.

Aos 28 minutos, Neymar foi substituído por Xavi e não gostou da atitude do técnico Luis Henrique.

Após três substituições do Sevilla, o time cresceu ainda mais e buscou chegar ao empate com bons passes e criando jogadas, mas foi com um erro do zagueiro Piqué que o time marcou o segundo gol.

Publicidade

Aos 38, o zagueiro do Barcelona saiu errado e após cruzamento rasteiro de Vidal o atacante Gameiro apenas empurrou para dentro do gol garantindo o empate da equipe e também a invencibilidade de nove jogos na temporada.

Com este resultado, o Barcelona perdeu a chance de ampliar a diferença entre o rival Real Madrid que havia vencido o Eibar por 3 a 0 com gols do craque Cristiano Ronaldo, Chicharito e Jesé. A diferença entre os dois times agora é de apenas dois pontos. #Futebol