Valdivia é, sem dúvidas, um dos jogadores mais autênticos que atuam pelo #Futebol brasileiro atualmente. Sua postura, declarações polêmicas e jeito provocador fazem lembrar os antigos jogadores "bad-boys" e fogem completamente do padrão clichê que tomou conta do esporte.

Um dos assuntos mais comentados no Palmeiras atualmente envolve o nome chileno: e aí, Valdivia renova o contrato ou não? A pergunta é feita para a comissão técnica, jogadores, diretoria, para o próprio atleta e seu pai, que cuida dessa parte de sua carreira.

Acontece que o problema não é só esse, ainda existe uma pressão enorme é feita por parte da mídia esportiva dando uma ênfase exagerada, até mesmo sensacionalista, nos assuntos que envolvem o jogador.

Publicidade
Publicidade

O motivo é óbvio: Valdivia chama atenção e as discussões sobre ele dão ibope. Antes da renovação de contrato, falava-se da pressão para ele renovar já que esse ano o Palmeiras montou um time competitivo, depois se comentou da necessidade do chileno se recuperar fisicamente de vez ou então ele não teria espaço no time.

As especulações são muitas, a grande maioria delas levianas. O problema é que muitas vezes o próprio Valdivia age como se fosse um combustível para colocar fogo na situação. Esse ano, ele já utilizou o Twitter para alfinetar Alexandre Mattos, homem forte do futebol e no último sábado, depois do jogo contra o Mogi Mirim, disse que a sua renovação estava parada e que ele poderia começar a negociar com outra equipe brasileira. A declaração de uma possível transferência para um rival caiu como uma bomba, afinal, o próprio Valdivia disse há cerca de um mês que no futebol brasileiro só vestiria a camisa do alviverde.

Publicidade

Está começando a ficar bastante claro que existe alguma divergência séria entre as partes, Palmeiras e Valdivia, porque aquele discursinho de que o clube quer a renovação e o jogador também não cola mais. Se isso realmente fosse verdade, a negociação já teria tido um desfecho positivo.

O que chileno tem que entender é uma situação clara e muito evidente: ele está devendo futebol no Palmeiras. Hoje em dia, quando se ouve falar em uma grande atuação de Valdivia a referência vale para o meia do Internacional, que está se destacando na atual temporada. O mago alviverde precisa render mais em campo, precisa estar presente em mais partidas, voltar a marcar gols e dar alegrias.

Valdivia sabe que o Palmeiras precisa dele, na última temporada o meia salvou o time do rebaixamento mesmo em péssima condição física. Agora, ele precisa entender que é dentro de campo, com a bola nos pés e boas jogadas que ele vai garantir a sua renovação de contrato. Não com declarações polêmicas que forçam a barra e deixam o ambiente ruim. Um bom conselho para o chileno seria: joga a sua bola que tudo fluirá normalmente.