Começa, com a participação de 100 clubes, o Campeonato Brasileiro. São 40 clubes na série D, 20 na C, 20 na B e 20 clubes na divisão principal. Dos disputantes da série principal, dez já conquistaram o título , apenas três participaram de todas as disputas e somente um, o Sport Clube Internacional, conquistou o campeonato de forma invicta, em 1979.

Neste ano, a série A tem todos os participantes aglomerados no centro-sul do Brasil, à exceção do Sport Recife. Num pais continental como o Brasil, a distância pesa no desgaste das equipes. Na série C, por exemplo, a cidade do Brasil de Pelotas, no Rio Grande do Sul e do Fortaleza, no Ceará, distam em linha reta 3440 km e via rodoviária, 4324 km.

Publicidade
Publicidade

Brasil e Fortaleza poderão se enfrentar na primeira ou na segunda fase.

Em 2010, inopinadamente, a CBF decidiu reconhecer vencedores de torneios, disputados em caráter nacional, desde 1959, como Campeões Nacionais, sem que, quando disputados, tivessem sido considerados desse quilate, adulterando completamente os critérios e a legitimidade, criando um apêndice aos campeonatos disputados, desde 1971, de forma séria e regrada, com o propósito de eleger um Campeão Nacional.

Este ato criou situações estranhas. Em 1967, o Palmeiras é campeão nacional duas vezes, em 1968 Santos e Botafogo são campeões ao mesmo tempo. 2015 passa a ser 57º ano de disputas que já conta com 58 campeões.

O Campeonato Brasileiro é considerado por muitos como um dos mais difíceis de conquistar do mundo. A rigor, todos podem conquistar a Taça, embora uns poucos sejam considerados coadjuvantes.

Publicidade

A dureza da disputa se revela quando tradicionalmente, por volta da sexta rodada, dificilmente algum time ainda conserve a invencibilidade.

Nesse ano pós Copa do Mundo, a grandeza dos estádios irá emoldurar o cenário de disputas e motivar as torcidas a ver seus times jogando em novas casas e em novos gramados.

Por certo vai ser uma disputa eletrizante pois, como de costume, a largada não rotula favorito ou favoritos e as equipes vem de campeonatos estaduais ferrenhamente disputados, na primeira metade do ano e muitos ostentando no peito a faixa de campeões.

Com a seleção brasileira se reestruturando com Dunga, o desempenho no campeonato, o surgimento de novas caras, serão ingredientes para a estréia ou a volta à seleção nacional. Isto poderá representar uma motivação a mais a abrilhantar o campeonato. #Entretenimento #Futebol #Sport Club Internacional

Neste fim-de-semana poderemos ouvir pelo Brasil afora, "foi dada a largada".