Certamente, esse domingo, 17, foi sensacional para o torcedor do Galo. Quem esperava que o Atlético Mineiro ganhasse de 4x1 do Fluminense? E seria 4x0, não fosse um pênalti salvador para o Flu. Quem pôde conferir no estádio 'Mané Garrinha', em Brasília, viu uma torcida em êxtase e outra saindo sorrateiramente no segundo tempo. Foi um 'massacre' para o Fluminense nesse Campeonato Brasileiro.

Primeiro tempo

Aos seis minutos do primeiro tempo, o Atlético-MG fez o primeiro gol, marcado pelo zagueiro Jamerson. Aos 36 minutos, Luan cobrou falta grave e lançou para Jamerson que completou seu segundo gol na partida. Aos 10 minutos, o volante do flu fica no chão e é atendido pelos médicos do clube.

Publicidade
Publicidade

Aos 12 minutos, Edson retorna ao jogo, após atendimento.

Segundo tempo

Aos 27 minutos, era perceptível que o Galo havia diminuído o ritmo de jogo, permitindo uma relativa melhora do adversário carioca. No entanto, apesar da leve melhora, ainda assim, o Fluminense teve dificuldades para encontrar o gol atleticano.

O terceiro gol dos mineiros surgiu aos 7 minutos do segundo tempo, por Lucas Pratto. Aos 35 minutos, foi a vez de Luan deixar o seu gol, deixando o placar em 4x0. A torcida alvinegra foi ao delírio. Várias ameaças de gol foram acontecendo no decorrer da partida. O estádio não estava completamente cheio, mas o coro dos torcedores do Galo ecoou por toda a região.

Aos 42 minutos da etapa final, Fred faz para o Fluminense o primeiro e único gol do jogo, em consequência de um pênalti provocado por falta grave.

Publicidade

A torcida do Galo, então, pede mais um gol. Existiu até a possibilidade, mas parou por ai.

Com este resultado (4x1), o Atlético-MG acumula 4 pontos no campeonato, enquanto o Fluminense permanece com 3. No próximo domingo, 24, pela terceira rodada, o Galo enfrenta o Atlético-PR na arena da baixada. Já o Fluminense vai tentar a recuperação no Maracanã diante do atual líder Corinthians.

A goleada atleticana foi, de fato, surpreendente, pois o resultado ocorreu quatro dias após o time ser eliminado da Copa Libertadores da América, pelo Internacional. Agora o Galo deve brigar pelas primeiras posições da competição nacional em 2015. #Opinião #Futebol #Resenha Esportiva