A Copa do Brasil teve prosseguimento nessa quarta-feira (13), com #Jogos valendo pela segunda fase. Os principais destaques foram as classificações de Figueirense, Santos e Sport. O jogo do Vitória contra o ASA foi o primeiro do confronto. Segue abaixo os principais detalhes das partidas.

A cada fase que se apresenta na Copa do Brasil, os jogos vão se tornando cada vez mais disputados, e o nível técnico apresentado pelas equipes vai melhorando, pois a maior parte dos clubes que avançam em direção à final da competição é composta pelos grandes clubes brasileiros.

No Municipal de Arapiraca, o ASA empatou com o Vitória por 1x1.

Publicidade
Publicidade

O gol do time alagoano foi de Alex Henrique. Elton marcou o gol do rubro-negro baiano. Com esse resultado, o clube baiano poderá empatar sem gols que estará classificado para a terceira fase. Já o ASA poderá empatar, desde que faça pelo menos dois gols, que avançará de fase. Se o duelo terminar 1x1 a decisão irá para as penalidades. Quem se classificar irá enfrentar o Palmeiras.

No Orlando Scarpelli, o Figueirense venceu o Avaí por 2x0, com gols de Thiago Heleno e Marquinhos Pedroso. Como no primeiro jogo na Ressacada o Avaí havia vencido por 1x0, com essa vitória, o Figueira se classificou para a terceira fase e agora irá enfrentar o Botafogo. Já o Avaí deu adeus ao campeonato.

Na Vila Belmiro, o Santos venceu o Maringá por 1x0, com gol de Ricardo Oliveira. Como no primeiro jogo no Willie Davids o duelo terminou empatado, com essa vitória, o alvinegro praiano se classificou para a terceira fase e agora irá enfrentar o Sport.

Publicidade

Já o Maringá está eliminado.

Na Ilha do Retiro, o Sport venceu a Chapecoense por 2x0, com gols de Diego Souza e Mike. Como no primeiro jogo em Chapecó o clube catarinense havia vencido pelo mesmo placar, a partida foi para a decisão por pênaltis. Nas penalidades, o clube pernambucano venceu por 4x2 e se classificou para a terceira fase e agora irá enfrentar o Santos. Já a Chapecoense está eliminada da competição apesar de todos os esforços. #Futebol #Resenha Esportiva