Aos 34 anos, o experiente zagueiro Bolívar segue dando demonstrações de que não quer encerrar tão cedo a sua carreira. Depois de disputar o campeonato gaúcho de 2015 pelo Novo Hamburgo, eliminado nas quartas de final pelo Grêmio nos pênaltis, o jogador já acertou com um novo clube para a sequência da temporada. Nesta sexta-feira (8), a Portuguesa, de São Paulo, anunciou a contratação do defensor para a disputa da série C do brasileiro.

Embora muitos não saibam, Bolívar possui forte identificação com a Lusa. Entre os anos de 1977 e 1980, o seu pai, de mesma posição no campo e nome, jogou pelo simpático clube paulista.

Publicidade
Publicidade

Antes de defender o Novo Hamburgo, Bolívar, o filho, defendeu por dois anos as cores do Botafogo, do Rio. Titular na boa campanha de 2013, que culminou com a classificação do time carioca à Libertadores do ano seguinte, o zagueiro não deu sequência em 2014 e acabou saindo do clube antes mesmo do rebaixamento à série B.

Para a disputa da série C, a Lusa preparou um pacotão de reforços. Ao lado de Bolívar, também anunciou o goleiro Felipe, revelado pelo Santos, titular na equipe de 2010 ao lado de Ganso, Neymar e cia, e que estava no Fluminense na última edição do campeonato brasileiro. O volante Renan, de 30 anos, que começou a carreira no São Paulo e passou por clubes como Cruzeiro, Atlético-MG, Sport e Vitória também foi anunciado pela Portuguesa. 

História no Inter

Apesar da passagem pelas categorias de base do Grêmio, foi no rival que o zagueiro Bolívar fez história e consolidou o seu nome no cenário do #Futebol nacional.

Publicidade

No Inter, o jogador foi titular absoluto nas conquistas da Libertadores de 2006 e de 2010, sendo capitão na última conquista, com o privilégio de erguer a taça ao lado de Pelé. Após a conquista de 2006, o jogador foi vendido ao Mônaco, da França, onde disputou três temporadas antes de retornar ao Beira-Rio no meio de 2008.

Além das duas Libertadores, Bolívar conquistou pelo Inter a Copa Sulamericana de 2008, a Recopa Sulamericana de 2011 e cinco campeonatos gaúchos (2004, 2005, 2009, 2011 e 2012). #Entretenimento