Parecia que seria mais uma vitória fácil de Lewis Hamilton no GP de Mônaco, mas perto do fim da corrida a Mercedes praticamente tira a vitória do inglês.

Mesmo com os pneus ainda em bom estado a equipe alemã decide por uma parada nos boxes, mas logo em seguida ocorreu um acidente na pista, Verstappen ao tentar ultrapassar Romain Grosjean bate forte, forçando a entrada do Safety Car, o inglês volta na 3ª posição atrás do Nico Rosberg (Mercedes) e do Sebastian Vettel (Ferrari), foi assim até o final da corrida e por pouco não perde a 3ª colocação.

Lewis Hamilton claramente mostrou insatisfação durante a entrega dos troféus e nem esperou a tradicional guerra de champagne.

Publicidade
Publicidade

Nico Rosberg que não teve nada com o erro da equipe, conseguiu faturar o GP e de quebra conseguiu igualar o recorde de Ayrton Senna, Alain Prost e Grahan Hill de 3 vitórias consecutivas no GP de Mônaco.

Em quarto ficou o Daniil Kvyat seguido por Daniel Ricciardo, Kimi Raikkonen, Sergio Pérez, Jenson Button, Felipe Nasr e Carlos Sainz fechando a zona de classificação.

O outro brasileiro, Felipe Massa, da Williams, chegou em 15º, logo no início tocou o carro de Pastor Maldonado.

A classificação do Mundial de F1 ficou assim:

1 - Lewis Hamilton - Inglaterra - Mercedes - 126 - 3 vitórias;

2 - Nico Rosberg - Alemanha - Mercedes - 116 - 2 vitórias;

3 - Sebastian Vettel - Alemanha - Ferrari - 98 - 1 vitória;

4 - Räinkkönen - Finlândia - Ferrari - 60;

5 - Bottas - Finlândia - Williams - 42;

6 - Felipe Massa - Brasil - Williams - 39;

7 - Ricciardo - Austrália - Red Bull - 35;

8 - Kvyat - Rússia - Red Bull - 17;

9 - Felipe Nasr - Brasil - Sauber - 16;

10 - Grosjean - França - Lotus - 16;

11 - Pérez - México - Force India - 11;

12 - Carlos Saiz - Espanha - Toro Rosso - 9;

13 - Hülkenberg - Alemanha - Force India - 6;

14 - Verstappen - Holanda - Toro Rosso - 6;

15 - Ericson - Suécia - Sauber - 5;

16 - Button - Inglaterra - Mclaren - 4;

Não pontuaram ainda:

Fernando Alonso - Espanha - Mclaren;

Merhi - Espanha - Manor;

Stevens - Inglaterra - Manor;

Maldonado - Venezuela - Lotus;

Magnussen - Dinamarca - Mclaren.

Publicidade

No Mundial de Construtores:

1 - Mercedes - Alemanha - 242 pts;

2 - Ferrari - Itália - 158 pts;

3 - Williams - Inglaterra - 81 pts;

4 - Red Bull - Áustria - 52 pts;

5 - Sauber - Suíça - 21 pts;

6 - Force India - Índia - 17 pts;

7 - Lotus - Inglaterra - 16 pts;

8 - Toro Rosso - Itália - 15 pts;

9 - Mclaren - Inglaterra - 4 pts;

10 - Manor - Inglaterra - 0 pt. #Automobilismo