Na última terça-feira (05), jogando em sua arena, em partida válida pela semifinal da Liga dos Campeões, a Juventus venceu o Real Madrid, da Espanha, por 2x1. Tévez e Morata marcaram para o time italiano. Cristiano Ronaldo fez o gol do time merengue. O argentino Tévez venceu o "duelo" particular contra seu amigo dos tempos de Manchester United, o português CR7.

Com isso, a "Velha Senhora" joga por um empate no jogo da volta, em Madrid, para se classificar para a disputa da final. Já o time espanhol terá que vencer por 1x0 para avançar. Se o time italiano perder por um gol de diferença, marcando dois ou mais gols, se classificará.

Publicidade
Publicidade

Se o duelo terminar 2x1 para o time merengue, a disputa irá para as penalidades.

O atacante argentino Carlitos Tévez foi o destaque da partida, pois, além de ter jogado bem, participou do primeiro gol do time de Turim e marcou o segundo tento, garantindo a vitória do time italiano. Foi uma das melhores partidas do argentino com a camisa do time de Turim.

A "Velha Senhora" mostrou que não é uma zebra entre os clubes semifinalistas da Liga. Venceu o Real com certa autoridade, pois desempenhou um jogo ofensivo, mas cauteloso, onde seu principal jogador, no momento, Tévez, foi destaque na partida.

O time de Turim jogou com muita vontade e dedicação de todos os seus jogadores, principalmente Carlitos e Morata, que tiveram participação importante no triunfo. E, além de ter jogado uma boa partida, a equipe italiana praticamente anulou o time espanhol.

Publicidade

Cabe ressaltar que o jogador espanhol não vibrou com intensidade em seu gol, devido ao seu passado no time merengue.

A decisão entre os dois clubes ainda está em aberto, pois ambos os times estão jogando um belo #Futebol e têm jogadores que podem decidir um jogo em fração de segundos, seja através de uma falha na defesa adversária ou em um lance de genialidade.

Agora é aguardar a partida de volta para saber se a Juventus vai aproveitar a vantagem que adquiriu no primeiro e se classificar, ou se o Real Madrid reverterá essa vantagem e avançará para a final do maior campeonato de clubes da Europa. #Resenha Esportiva