O Valdívia "original", Jorge Valdívia Toro e o Valdívia "genérico", Wanderson Ferreira de Oliveira, com certeza serão destaque neste campeonato de 2015 e poderão estar os dois na Seleção do Campeonato.

Jorge Luis Valdivia Toro, 31 anos, chileno, nascido em Maracay, na Venezuela, 1,73m, destro, jogador do Palmeiras, apelido El Mago, meio campista, destacou-se no Colo-Colo, clube mais popular do Chile, de 1991 a 2003, tendo jogado também no U. De Cancepción, onde estreou profissionalmente, Rayo Vallecano, Espanha, Servette, Suíça, Palmeiras, Brasil, de 2006 a 2008, Al Ain, Emirados Árabes Unidos, voltando ao Palmeiras em 2010.

No Palmeiras foi a partir de 2007 que passou a ter boas atuações, sob o comando de Caio Junior, quando tornou-se o principal jogador do time. Durante o Campeonato Brasileiro de 2007, duas expulsões lhe renderam 5 jogos de suspensão pelo STJD. Apesar de sua indisciplina recebeu os prêmios de Craque do Brasileirão e de melhor meia esquerda do Campeonato. Integrou a Seleção Nacional do Chile, na disputa da Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Participou também das seleções de base chilenas.

De temperamento forte e aguerrido, Valdívia é sempre considerado, pela técnica apurada e combatividade, como craque nos clubes por onde passou.

Wanderson Ferreira de Oliveira, 1,74 m, 63 partidas pelo Inter, 13 gols, 20 anos, brasileiro, de Jaciara, Mato Grosso, meia, originário do Futsal, na AABB, conhecido pelos apelidos Valdívia, Mágico e Poko Pika, meia atacante, passou a disputar #Futebol no Rondonópolis Esporte Clube, do Mato Grosso, destacando-se na Copa São Paulo de Futebol Junior de 2012, em que foi artilheiro. Seu desempenho chamou a atenção do Esporte Clube Internacional de Porto Alegre, para onde foi ainda em 2012. Vice campeão Brasileiro sub-20, Campeão Gaucho Profissional 2013 e 2014, neste último ano como goleador do time.

Veloz e hábil, guarda semelhanças física e técnica com o Jogador chileno Valdívia. Estreou em 2013 e atualmente é um dos principais jogadores do Inter.

Atualmente é destaque nacional, sendo já cobiçado por clubes europeus pois sua velocidade, seu futebol vistoso tem se traduzido em gols decisivos nos jogos do Internacional, como os dois anotados nas duas partidas contra o Atlético Mineiro, nos jogos válidos pelas eliminatórias da Copa do Brasil. #Curiosidades #Sport Club Internacional