Márcio Passos de Albuquerque, conhecido como Emerson Sheik, é um dos símbolos da gloriosa história do Sport Club Corinthians Paulista, pois ele se consagrou como um dos maiores ídolos da torcida corintiana, ao marcar dois gols contra o Boca Juniors, que culminou na conquista do primeiro título da Libertadores para o alvinegro paulista.

Este não foi o único feito do atacante, além de vários gols e excelentes atuações, tanto na referida conquista do campeonato continental, quanto em outras competições, o que culminou na sua entrada na lista de ídolos do "timão".

Mas a história de Sheik no Corinthians está em seu final, após 157 partidas disputadas, com 26 gols marcados, pois seu contrato no clube paulista se encerrará no dia 31 de julho, e não será renovado.

Publicidade
Publicidade

Inclusive o atleta já tem um acordo apalavrado com o Flamengo.

Então, o atacante acordou com a diretoria corintiana um jogo de despedida, que será no próximo sábado (13), no duelo contra o Internacional, em jogo válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, marcado para a Arena Corinthians, a casa alvinegra. No time, Emerson conquistou o Campeonato Brasileiro de 2011, a Libertadores e o Mundial Interclubes de 2012, o Campeonato Paulista e Recopa Sul-americana de 2013.

O atleta já não estava mais treinando com o elenco corintiano, mas após o acerto para o jogo de despedida, na segunda-feira, ele voltou aos treinamentos nessa terça (09), visando seu último jogo com a camisa corintiana. O Departamento de Marketing do Corinthians ainda está acertando os últimos detalhes dessa homenagem com seus agentes.

Publicidade

A única certeza é que Emerson Sheik, já eternizado na mente dos corintianos, terá uma despedida à altura de seu feito no alvinegro. Neste dia, ele deverá ser ovacionado pela nação corintiana, que proporcionará uma linda festa na partida, digna da história que o atacante escreveu no tempo em que vestiu o manto sagrado do "poderoso timão".

Chega ao fim uma linda história, recheada de emoções, feitos, marcas, acontecimentos, festa, homenagens, vitórias, gols e conquistas. Mas esse adeus acontecerá somente nos gramados, porque apesar de tudo, Márcio Passos de Albuquerque estará para sempre nos corações alvinegros.

Mas o sentimento de amor não é só por parte da torcida, o jogador também, por diversas vezes se declarou ao Corinthians, veja abaixo algumas frases ditas por ele.

"A diferença, além da história do clube, que é muito bonita, certamente é a torcida. Vestir essa camisa e entrar no Pacaembu, com mais de 30 milhões de torcedores assistindo, é motivo de orgulho para qualquer jogador."; "Não tenho o sonho de ir para a seleção brasileira, sonho em conquistar títulos pelo Corinthians, construir minha história aqui. Honro essa camisa, gosto muito daqui, respeito os clubes que joguei, mas igual ao Corinthians não tem, é demais."

A única coisa que será dita pela segunda maior torcida do Brasil no sábado será o seguinte: obrigado Sheik pelas alegrias e momentos de felicidade que me proporcionou, você será nosso eterno e mais querido integrante do bando de loucos.

Publicidade

#Futebol #Resenha Esportiva