Afastado das quadras desde fevereiro de 2014, quando novas dores no punho esquerdo forçaram outra cirurgia, Juan Martin Del Potro iniciou o ano de 2015 com a perspectiva de novos horizontes. E o melhor: dentro de quadra. Em janeiro, voltou a competir profissionalmente em Sydney, na Austrália, mas acabou desistindo de disputar o Australian Open – primeiro Grand Slam do ano que começava uma semana depois.

Em março, uma nova tentativa. Dessa vez em um grande torneio, da série Masters 1000, jogado em Miami, nos Estados Unidos. O adversário era o canadense Vasek Pospisil, bom jogador, mas longe de ser páreo para Delpo em seus áureos tempos. Contudo, Pospisil venceu o jogo em dois sets e frustrou a torcida argentina que sonhava com um retorno triunfante do principal jogador do país.

Publicidade
Publicidade

“Após duas cirurgias em apenas um ano, não é nada fácil voltar a um torneio tão difícil quanto esse e ainda ter oportunidades em ambos os sets. Entrar em quadra foi a vitória. Foi ótimo desfrutar o local e sentir a competição”, disse, na coletiva de imprensa após o jogo.

Na época, Del Potro não se queixou de dores e fez questão de salientar a importância do retorno. Lamentou a derrota, mas disse que a grande vitória para ele naquele momento era estar em quadra. Meses depois, em vídeo divulgado nesta segunda-feira (15), onde anuncia a nova cirurgia, o tenista volta atrás e admite que não se sentiu bem na tentativa de retorno.

“Em Miami, as minhas sensações não foram nada boas quando deixei a quadra, me senti realmente mal em praticamente todo o campeonato. Não merecia estar em quadra com aquela dor no punho de novo e naquele estado que estava não poderia seguir.

Publicidade

Sei que as semanas que virão serão duras”, confidenciou o argentino.

Abatido, Delpo revelou sentir necessidade de se recuperar, também, como pessoa. As raquetes, agora, ficam em um segundo plano.

“Nunca vou querer chegar ao ponto de ter que odiar esse esporte. Opto por tomar o tempo que for necessário. Tenho que me recuperar como pessoa também, deixando o lado do #Tênis de lado por alguns momentos”, concluiu. #Entretenimento