O assunto foi o #Futebol e as eliminatórias para a participação dos países no futebol das olímpiadas 2016. Nesta quarta-feira (24) foram definidas as últimas vagas europeias. A partir de agora estas seleções podem iniciar a sua preparação com a presença já garantida. O jogo entre Portugal e Suécia pode ser considerado um jogo de compadres, os dois se classificariam e a Suécia eliminaria a toda poderosa azurra. Foi o que aconteceu. Alemanha e Dinamarca já tinham carimbado o passaporte na véspera.

Com isso, já são seis classificados para o torneio que será disputado no ano que vem, no Rio de Janeiro. As quatro representantes do Velho Continente se juntaram ao Brasil, país-sede, e a Argentina, campeã sul-americana.

Publicidade
Publicidade

Quem mais virá. O total de seleções soma 16 participantes, ou seja, ainda faltam 10 participantes e destas vagas três estão destinadas para a Ásia, que ainda não definiu quem irá participar. Outras três serão destinadas a países da Concacaf. A décima-quinta será para um país da Oceania e a última decidida entre a Colômbia e o terceiro colocado de um torneio que acontecerá entre as seleções das Américas Central e do Norte.

O fato de o Brasil nunca ter conseguido um título olímpico desperta a atenção. Mas depois das duas copas em casa, principalmente a de 2016, quando a vergonha nas finais é uma mancha difícil de apagar, os torcedores estão desconfiados. Os alemães estarão lá, o que pode ser bom ou ruim. Na bolsa de apostas as coisas devem estar empatadas.

O título já foi beliscado em algumas ocasiões.

Publicidade

Na atualidade o Brasil está com três medalhas de prata e duas de bronze, consideradas como pouca coisa, para um país que na categoria maior do futebol mundial, já foi cinco vezes campeão mundial. É esperar e torcer para que pelo uma vez em sua própria casa a seleção canarinha traga uma alegria para seus torcedores, o que os políticos parecem não querer, para não aumentar o cacife da presidente, mas com política à parte, os torcedores têm esperanças de bons resultados. Como a esperança é a última que morre, nos resta aguardar.