Depois de demitir o treinador italiano Carlo Ancelotti, que não repetiu o desempenho da temporada passada e não conquistou nenhum título esse ano, o Real Madrid agiu rápido e deve anunciar ainda nesta segunda-feira (01) o nome do espanhol Rafa Benítez como comandante do clube. O técnico já está na Espanha para assinar com o novo time.

Nesta manhã, Benítez fez um tour pelo Centro de Treinamento (CT) dos merengues e se reuniu com o presidente Florentino Pérez para aparar as últimas arestas do contrato a ser assinado, muito provavelmente nas próximas horas.

Ao pisar no CT de Valdebebas, o novo comandante esbanjou confiança no que virá pela frente.

Publicidade
Publicidade

“Me sinto muito preparado. Chego com uma enorme vontade de vencer”, avaliou o ex-treinador de clubes como Valencia, Liverpool, Inter de Milão e, mais recentemente, Napoli.

Neste domingo, o treinador se despediu do comando do Napoli com uma derrota por 4x2, em casa, diante da Lazio, e não conseguiu colocar o clube de Nápoles na próxima edição da Champions League. Mesmo com 50 mil torcedores apoiando e dando um colorido especial ao Estádio San Paolo, os mandantes sucumbiram e fecharam o calcio em 5° lugar.

Currículo

Detentor de inúmeros títulos importantes na carreira, tais como uma Champions League pelo Liverpool, um Mundial de Clubes pela Inter de Milão, dois campeonatos espanhois pelo Valência e uma Liga #Europa com o Chelsea, Benítez chega com muita moral diante do novo grupo de jogadores.

Publicidade

Sergio Ramos, titular do Real Madrid e um dos líderes do elenco, não poupou elogios ao novo chefe. “É um grandioso treinador, que possui muita experiência e que já trabalhou em vários países como Inglaterra, Espanha e Itália, sempre conquistando diversos títulos. Uma pessoa com essas características, que possa compartilhar todas essas experiências com a gente sempre é muito bom”, salientou o zagueiro.

Quatro novos auxiliares farão parte em conjunto com Rafa Benítez do novo staff do clube: Paco de Miguel, Xavi Valero, Juan Francisco Sánchez e Antonio Gómez. #Futebol