A história se repete e o Brasil não consegue a classificação. Há exatos quatro anos, a Seleção Brasileira enfrentou o Paraguai nas quartas de final da #Copa América. O jogo permaneceu no empate de 0 a 0, quando acabou indo para os pênaltis e o Brasil entregou a classificação ao time Paraguaio ao não acertar o gol em todas as oportunidades permitidas.

Apenas alguns detalhes diferenciam o jogo deste sábado (27), com o jogo de quatro anos atrás. Apesar de não ter total domínio da partida, o Brasil começou jogando bem, e aos 14 minutos ainda do primeiro tempo, Robinho teve a oportunidade e balançou a rede do time adversário.

Publicidade
Publicidade

Porém, após uma falha desnecessária de Thiago Silva ao cometer um pênalti depois de tocar na bola com a mão em um cruzamento. O paraguaio Derlis González cobrou no canto, assim conquistando o empate.

Com o gol da Seleção Paraguaia, o jogo ficou mais equilibrado e a partir daí os dois times passaram a criar pouco dentro de campo, levando assim a decisão para os pênaltis.

Fernandinho, Miranda e Philippe Coutinho marcaram, porém Éverton Ribeiro e Douglas Costa não tiveram a mesma sorte, e perderam suas oportunidades de gol. Já pelo Paraguai, Roque Santa Cruz foi o único que errou seu alvo principal: a rede. Martínez, Cáceres, Bobadilla e González, definiram por vez, a vitória da Seleção Paraguaia por 4 a 3.

Com a eliminação da Copa América, o Brasil não participa da Copa das Confederações do ano de 2017 na Rússia.

Publicidade

COPA AMÉRICA - QUARTAS DE FINAL - 27/06/2015

BRASIL: Jefferson; Daniel Alves; Thiago Silva; Miranda e Filipe Luís. Fernandinho; Elias; Phillippe Coutinho e Willian (Douglas Costa, 14'/2º); Robinho (Éverton Ribeiro, 41'/2º) e Firmino (Diego Tardelli, 23'/2º).

Técnico: Dunga.

PARAGUAI: Villar; Bruno Valdez; Paulo da Silva e Pablo Aguilar. Iván Piris; Aranda (Martínez, 31'/2º), Victor Cáceres; Derlis González e Edgar Benítez (Romero, 38'/2º); Haedo Valdez (Bobadilla, 28'/2º), e Roque Santa Cruz.

Técnico: Ramón Diaz.

Gols: Brasil - Robinho, 14 minutos do primeiro tempo. Paraguai - González, 26 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Bruno Valdez, Pablo Aguilar e Martínez (Paraguai); Daniel Alves, Philippe Coutinho (Brasil).

Trio de Arbitragem: Andrés Cunha, Mauricio Espinosa e Carlos Pastorino.

Local da partida: Estádio Municipal da Concepción, em Concepción. #Seleção de Futebol #Futebol