No último domingo (26) aconteceu o encerramento dos Jogos Pan-americanos de Toronto que terminou com o Brasil em 3º lugar no quadro geral de medalhas. Mas para quem ama esportes, a festa ainda não acabou. Como é tradição, após os #Jogos para as pessoas sem deficiência, acontecem os Jogos Parapan-americanos, para pessoas com necessidades especiais.

O Ceará está bem representado pelo atleta Carlos Alberto Maciel, ou Betão como é conhecido, que é treinado pelo Clube Náutico, um clube muito famoso na cidade de Fortaleza-CE. O atleta é treinado pelos profissionais: Jefferson de Sousa Lima que é coordenador geral de esportes aquáticos e técnico da equipe especial e pelo auxiliar técnico da equipe especial, Flávio Delamonica Aires.

Publicidade
Publicidade

Betão é natural de Morada Nova-CE e já ganhou uma medalha de ouro nos jogos parapanamericanos de Guadalajara, no México em 2011, na prova de 100m peito classe SB8. O atleta também participou dos Jogos Paralímpicos de 2012, que aconteceu em Londres.  

Segundo o blog Nauticos Wimming o nadador Carlos Alberto é o melhor nadador cearense em atividade e talvez, o melhor nadador cearense da história.

A principal prova do atleta, os 100m peito classe SB8 acontecerá no dia 11 de agosto, em Toronto. O Náutico em seu blog ressaltou que estavam orgulhosos por essa segunda convocação e de que estão esperançosos com a possibilidade de uma 2º medalha do parapanamericano.

O atleta embarcou ontem (31) para São Paulo e de lá seguirá junto com a Seleção Paralímpica, para Toronto-CAN. 

Carlos Alberto Maciel

Betão é formado em Educação Física, com pós graduação em Fisiologia do Exercício e Prescrição de Treinamento, também exercendo o cargo de professor na escolinha de natação do Clube Náutico, onde é treinado.

Publicidade

O atleta também é campeão cearense de natação na classe SB8 desde 2006, campeão brasileiro desde 2008, bicampeão no open da Argentina de 2010 e 2011 e foi o melhor triatleta no mundial de Londres na classe tri em 2013. 

Brasil no Parapan de Toronto

O Brasil mandou um número recorde para os jogos: 270 atletas, sendo 95 mulheres e 175 mulheres. As maiores delegações são a de Atletismo com 50 atletas, seguida da natação com 40 esportistas. O Brasil tem representação de todas as regiões, tendo atletas de 16 estados mais o Distrito Federal. #Entretenimento #Blasting News Brasil