O US Open de 2015 não trará boas recordações para a tenista canadense Eugenie Bouchard, de 21 anos. Após disputar normalmente uma partida de duplas na sexta-feira (4), ela acabou escorregando dentro de vestiário feminino e bateu com força a cabeça na queda. Desde então, a jogadora estava em observação e logo no dia seguinte ela anunciou que não seguiria nas disputas de duplas e duplas mistas.

Ficava em aberto, então, a sua continuidade na chave feminina de simples, já que ela seguia com chances no torneio. Nas oitavas de final, ela enfrentaria, no domingo, a italiana Roberta Vinci. No entanto, Bouchard não reuniu condições de estar em quadra e foi vetada pelos médicos, de modo que sua adversária avançou diretamente às quartas.

Publicidade
Publicidade

Bouchard tinha um treinamento agendado para a tarde de domingo - horas antes de entrar em quadra para encarar Vinci. A ausência dela inclusive do treino reforçou a probabilidade de que ela abdicasse também da disputa de simples, o que mais tarde veio a se confirmar. A canadense teve um traumatismo craniano em decorrência da queda de sexta-feira. Na sequência, a organização do torneio jogado em Nova York soltou nota oficial informando que a atleta sofreu uma concussão.

A tenista chegou a ser vista dentro do complexo que abriga o Aberto dos Estados Unidos no domingo. Ela usava um agasalho com capuz e óculos escuros. Com a desistência de Bouchard, o US Open chegou a marca de 17 abandonos no total, empatando com a sua edição de 2011.

Masculino

Na chave masculina, a promessa é de grandes confrontos a partir dessa segunda semana de torneio.

Publicidade

Duas quartas de final já estão definidas: Novak Djokovic enfrenta Feliciano Lopez e Jo-Wilfried Tsonga encara o atual campeão Marin Cilic. Ambos os confrontos ocorrem nesta terça-feira (8).

Do outro lado da chave, Wawrinka aguarda o vencedor de Andy Murray e Kevin Anderson para conhecer o seu rival nas quartas. Roger Federer x John Isner e Tomas Berdych x Richard Gasquet são os outros confrontos ainda de oitavas de final. #Tênis #EUA #UsOpen