Odair Hellmann ganhou uma segunda vida. Na noite de 15 de janeiro de 2009, ele era um dos 31 passageiros do ônibus de prefixo 5009 que conduzia a delegação do Brasil de Pelotas após uma partida amistosa contra o Santa Cruz. Perto do município de Canguçu, o coletivo tombou e espalhou segundos de pânico e terror entre aqueles que escaparam com vida do acidente. Odair era um deles.

Na fatídica tragédia que matou o ídolo Claudio Milar, o zagueiro Régis e o preparador de goleiros Giovani Guimarães, Odair Hellmann ganhou uma nova chance. Na época, aos 32 anos, o volante com passagens por diversas seleções de base vivia seus últimos momentos como jogador profissional de #Futebol.

Publicidade
Publicidade

Depois do acidente, ele teve uma séria lesão nas costas e precisou passar alguns meses no leito de um hospital.

“Lembro que eu estava sentado no braço de uma poltrona, bem no corredor. O Milar estava perto de mim, quase do meu lado. Só deu tempo de ouvir um “vai virar”. Consegui ainda olhar para a frente do ônibus e lembro que era 23h23. Me encolhi e parecia que estava levando uma surra coletiva. Só repetia que não iria morrer”, recorda Odair.

Danrlei, atual deputado federal pelo Rio Grande do Sul e eterno ídolo gremista, foi um dos heróis daquela trágica noite. Contratado com status de estrela pelo Brasil em 2009, o goleiro escapou ileso do acidente e ainda ajudou diversos companheiros a se salvarem. Um deles era Odair, que foi puxado pelo braço sobre todas as ferragens possíveis pelo ex-arqueiro do Grêmio.

Publicidade

Ao se recuperar cerca de quatro meses depois, Odair, já com a carreira encerrada, decidiu ir ao Beira-Rio por volta de outubro de 2009 em busca de um emprego no futebol. Levou. Mas começou por baixo, integrando as comissões técnicas das categorias de base e participando das avaliações individuais dos jovens talentos.

Em 2015, teve uma grande oportunidade ao assumir o comando técnico do time profissional do Inter por duas ocasiões. Após a demissão do uruguaio Diego Aguirre, Odair Hellmann foi o treinador do Inter na derrota para o Grêmio por 5x0 e na vitória sobre o Fluminense por 1x0, ambas pelo Campeonato Brasileiro. Atualmente, segue integrando o staff de Argel Fucks, comandante do Inter. #Entretenimento