A partida entre Chapecoense e #Palmeiras foi disputada na Arena Condá nesta noite de domingo. O Palmeiras como todas as outras equipes que vão à Arena de Chapecó já sabia que não teria vida fácil, mas o resultado da partida foi surpreendente até para os mais otimistas torcedores da Chapecoense.

Uma partida que teve de tudo um pouco e como sempre grande polêmica em volta da arbitragem que ia e voltava nas suas decisões. Polêmicas à parte, o Palmeiras não poderia usar a arbitragem como uma desculpa para esse resultado afinal, um resultado de 5x1 não acontece por um acaso.

A equipe paulista não se encontrou em campo e tomou um banho tático da equipe rival.

Publicidade
Publicidade

A Chapecoense era melhor taticamente e era voluntariamente a equipe com mais vontade em campo. Explorando muito bem o lado esquerdo do sistema defensivo do Palmeiras, que apresentou um velho problema do seu lateral esquerdo, problema conhecido como "Avenida Egídio", devido ao espaço que o jogador deixa às suas costas para os rivais.

Resumo da partida

O jogo começou a mil, uma partida disputada com muita vontade pelas equipes, mas a Chapecoense foi quem saiu na frente com um gol de cabeça do zagueiro Neto. Isso era apenas a ponta do iceberg, pois Camilo, Apodi, Tulio de Melo e Ananias ainda iriam marcar para a equipe de Chapecó. O Palmeiras fez o conhecido "gol de honra" com Dudu. 

Polêmicas

O árbitro Jailson Macedo Freitas aos 15 minutos expulsou o lateral esquerdo do Palmeiras por um carrinho por trás no jogador da Chapecoense que ia em direção ao gol.

Publicidade

Mas cerca de 3 minutos depois ele voltou atrás em sua decisão após uma conversa com seus assistentes. Aos 9 minutos da segunda etapa, Túlio de Melo marcou o terceiro gol dos catarinenses, o bandeira assinalou o impedimento de William Barbio dentro da pequena área, mas o árbitro chamou a responsabilidade para si e validou o gol.

Expectativa para as equipes

O Palmeiras segue na briga pelo G4 no #Campeonato Brasileiro, a equipe ainda briga também pelo título da Copa do Brasil. Já a Chapecoense luta para não cair no nacional e ainda está na briga na Copa Sul-americana, onde vai pegar o River Plate da Argentina.

Confira os gols da partida abaixo: