O Criciúma chamou a atenção do Brasil inteiro ao optar por fugir do padrão comum de treinadores e optar por um nome criativo ainda em junho. Os elogios ao Tigre eram justos. No dia 12 daquele mês, o time catarinense anunciava o sérvio Dejan Petkovic, de extensa passagem pelo #Futebol brasileiro, como o seu novo treinador. Mas, quatro meses depois, o clube voltou para a mesmice que impera no país e demitiu o técnico depois de alguns maus resultados.

Pet foi informado do seu desligamento do clube na manhã desta segunda-feira (5). Em sua primeira manifestação após a demissão, ele garantiu estar bastante surpreso. O sentimento de frustração se tornada ainda maior já que, segundo o sérvio, o futuro presidente do clube, Jaime Dal Farra, já teria o procurado para iniciar as tratativas para ampliar o seu contrato com o Criciúma.

Publicidade
Publicidade

"Não sei como aconteceu, mas foi uma decisão tomada. Quando chegamos ao Criciúma, existia um aproveitamento de apenas 25%. Nós deixamos com 45%. Há uma questão de transição política e o atual presidente (Antenor Angeloni) decidiu entregar o comando. Não sei se foi o novo presidente (Jaime Dal Farra) que decidiu por essa troca no comando técnico. Ele me procurou falando em mais dois anos e hoje houve o desligamento", comentou.

Na Série B nacional, o início do Criciúma sob o comando de Pet foi extremamente animador. O time chegou a ficar 11 rodadas invicto. No entanto, o baixo aproveitamento do ataque acabou tirando a equipe da disputa das primeiras posições e, por consequência, da briga pelo acesso. Foram 12 empates na gestão do sérvio.

"Não posso dizer que fico chateado com essa situação.

Publicidade

Faz muito tempo que estou no meio do futebol e comigo já aconteceram coisas boas e outras ruins. Infelizmente, o histórico do Criciúma mais uma vez ficou comprovado", disse Pet, fazendo referência ao alto número de troca de treinadores no Tigre nos últimos anos.

Ao todo, Dejan Petkovic dirigiu o Criciúma em 24 jogos, com 7 vitórias, 12 empates e 5 derrotas. Os catarinenses também estiveram próximos de eliminar o Grêmio na terceira rodada da Copa do Brasil. Acabou caindo nos pênaltis, no estádio Heriberto Hülse, em Santa Catarina. #Entretenimento