A noite desta quarta-feira, 28, não foi nada boa para os representantes brasileiros na Copa Sul-Americana 2015. Em Luque, no Paraguai, o Atlético-PR foi derrotado por 2x0 para o Sportivo Luqueño e acabou sendo eliminado nas quartas de final da competição.

O “furacão” havia vencido o jogo de ida por 1x0, na Arena da Baixada, em Curitiba, na quarta-feira da semana passada, e partiu confiante para a decisão nesta segunda partida. No entanto, o time rubro-negro paranaense não resistiu a pressão dos paraguaios e perdeu a chance de disputar uma semifinal da segunda maior competição de #Futebol da América do Sul.

Chapecoense vence, mas não avança

O outro representante brasileiro na Sul-Americana também foi eliminado da competição na noite desta quarta-feira.

Publicidade
Publicidade

Com a Arena Condá lotada, o time da Chapecoense partiu para cima do tradicional River Plate e conseguiu a vitória por 2x1. Porém, o triunfo não garantiu a classificação do time catarinense, devido a derrota por 3x1 no primeiro jogo, realizado no Monumental de Nuñes, em Buenos Aires.

Agora, ambos os times brasileiros voltam suas atenções definitivamente para o Campeonato Brasileiro. Enquanto o Atlético-PR ainda sonha com possibilidades remotas de classificação para à Libertadores, a Chapecoense luta para evitar o rebaixamento para a segunda divisão. #Blasting News Brasil #Futebol Internacional