Lopetegui está cada vez com mais problemas no comando do FC Porto. Segundo garante o site “Notícias ao Minuto”, além do técnico ter perdido 3 a 1 contra o Marítimo em sua casa, Lopetegui disse na colectiva de imprensa que a partida de hoje à noite, dia 29, “não era um jogo que queríamos ganhar ”. Rapidamente a frase foi replicada nas redes sociais, com milhares de portistas garantindo que essa frase é uma vergonha para todos eles, bem como tudo o que o FC Porto sempre representou.

“Não era um jogo que quiséssemos ganhar a partida. Apenas queríamos dar espaço aos jogadores com menos minutos, ou então que costumam jogar em nosso time B”, garantiu Lopetegui à imprensa internacional depois do encontro contra o Marítimo, confessando que a derrota é “injusta” e que a mentalidade do FC Porto para a Taça da Liga será sempre essa.

Publicidade
Publicidade

Com uma exibição muito pobre, que resultou na primeira vitória da história do Marítimo no “Estádio do Dragão”, Lopetegui abandonou os gramados sendo muito vaiado e com milhares de portistas pedindo sua demissão, sentimento que, segundo as redes sociais, é partilhado pela maioria dos exigentes portistas. Por isso mesmo, essa frase pode muito bem ter sido o final traçado de Lopetegui, depois de quase dois anos nos quais não conseguiu ganhar nenhum título, mesmo tendo sido considerado por muitos, o melhor time do campeonato português.

Com essa desconsideração e falta de respeito por tudo o que o FC Porto sempre representou, essa declaração, dita publicamente para toda a imprensa, pode fazer com que o clube portista consiga demitir, por justa causa, Lopetegui. Apesar de Pinto da Costa, presidente do FC Porto, sempre ter garantido que confia plenamente nas capacidades do seu técnico espanhol, a verdade é que, depois da noite de hoje, tramado por suas próprias palavras, Lopetegui está sendo cada vez mais um homem sozinho no FC Porto, sendo que sua saída é praticamente certa, pelo menos até junho de 2016. Andre Villas-Boas, técnico que vai sair de Zenit, parece ser a opção mais óbvia para substituir o atual técnico.

Publicidade

#Europa #Futebol Internacional