O #Palmeiras está bem atuante no mercado da bola. Assim como foi no começo do ano, a diretoria do Verdão já conseguiu concretizar algumas contratações. Vagner, goleiro do Avaí, Roger Carvalho, zagueiro do Botafogo-RJ e Rodrigo, volante do Goiás, são oficiais até o momento. Régis, do Sport-PE, também está garantido. 

Outro que está muito próximo de ser anunciado é o volante Jean, do Fluminense. O atleta já fez exames médicos no clube e, sendo aprovado, fará parte do plantel na pré-temporada de preparação para 2016, ano de disputa da Copa Libertadores.

Mas o setor que mais preocupa o clube e a comissão técnica é o meio-campo.

Publicidade
Publicidade

No mercado, jogadores que fazem essa função costumam ser mais caros e mais complicados de contratar. As equipes geralmente não fazem jogo fácil para liberar. A simples saída de um atleta assim pode desmontar totalmente o esquema tático proposto pelo treinador. 

Com dinheiro disponível e uma parceria muito forte, o Verdão está praticamente fechado com dois atletas do meio. Nenê, do Vasco, tem conversas avançadas com o Palmeiras e também com a Crefisa. A financeira será responsável direta pela contratação, por mais que Paulo Nobre, presidente do clube, tenha negado que a empresa entrará em negociações de reforços. 

Moisés, do Rijeka-CRO, chega neste domingo para realizar exames médicos. O atleta até postou mensagem de despedida em seu perfil oficial no Instagram. "Rijeka, sempre em meu coração," postou.

Publicidade

O jogador já defendeu a Portuguesa e tem respeito total dos torcedores croatas. Em linhas gerais, Moisés sai com bons números do Rijeka e bastante elogiado pela imprensa local. 

E Rafael Marques?

A diretoria está em negociação com os chineses, dono do passe de Rafael Marques. Com o atleta já está tudo certo. Tempo de contrato e salários já foram apalavrados, bastando somente a assinatura do contrato. O Verdão está vendo uma forma de viabilizar os R$ 5,5 milhões pedidos pelo clube no negócio. Em tese, Paulo Nobre não entende que Rafael Marques custe tudo isso. Para o presidente, R$ 3 milhões é um valor aceitável. 

A negociação deve findar nesta segunda-feira. O Palmeiras quer ter uma resposta antes mesmo do Natal para conseguir planejar quem vai para a pré-temporada e com quem Marcelo Oliveira, treinador da equipe, poderá contar.  #Futebol #Futebol Internacional