Caso o jogador não seja vendido na próxima abertura da janela de transferências, a diretoria do #Corinthians desistirá de vender o atleta e o colocará para atuar pela equipe nos torneios e campeonatos de 2016. Até agora, nenhuma equipe manifestou interesse pelo atacante, dessa forma o Timão já pretende levar o jogador junto com o elenco para disputar o Torneio da Flórida, nos Estados Unidos.

O interesse do alvinegro é vender Alexandre Pato, que estava emprestado ao principal rival, São Paulo. No entanto, todas as tentativas de venda do jogador fracassaram nas últimas aberturas de janelas. O atacante não tem bom relacionamento com a torcida do Corinthians, mas de acordo com o superintendente Andrés Sanchez, o torcedor tem que acatar o provável retorno do jogador para vestir a camisa do clube.

Publicidade
Publicidade

Se nada acontecer até Janeiro, Pato será decretado como um dos ‘reforços’ do Timão e já viajará com a equipe para disputar um importante torneio internacional, na Flórida, Estados Unidos, no dia 13 do mesmo mês.

O valor para a venda do atleta exigido pelo Corinthians é alto, giram em torno de R$ 15 milhões de euros. Uma oportunidade interessante para que o atleta seja vendido, é a estadia de negociadores chineses aqui no Brasil. Ainda essa semana, surgiram rumores que os mesmos chineses estavam em negociação com Elias. Caso o atleta acertar com o clube chinês, Andrés disse que não tem o que fazer, já que a oferta seria muito alta para evitar.

“Infelizmente se a quantia for suficientemente alta para levarem o Elias, não vai dar para a diretoria do Corinthians segurar. Como eles estão negociando com um dos nossos principais jogadores no momento, podemos ver aí uma oportunidade para tentar uma possível contratação de Pato, por parte deles. Mas, como disse em entrevistas anteriores, eu confirmo agora, o Pato não vai sair do Corinthians por um valor menor que R$ 15 milhões de euros, não adianta aparecer com dez ou treze, ele só sai por esse valor.

Publicidade

Caso não exista nenhuma negociação, o torcedor vai ter que fazer as pazes com o Pato, porque ele será mais uma opção nossa no ataque da equipe, já conversei com Tite acerca disso.” Revelou Andrés Sanchez em entrevista à rádio bandeirantes. #Futebol #Resenha Esportiva