O silêncio da ex-campeã peso-galo do UFC Ronda Rousey continua com a imprensa, desde que perdeu seu cinturão para a campeã de boxe, a também americana Holy Holm. Porém, o “Big Boss”, Dana White, saiu em defesa de Ronda Rousey, em uma entrevista concedida a “Off the Record” nos Estados Unidos.

Dana White declarou que ele e o seu sócio Lorenzo Fertitta conversam com a ex-campeã quase todos os dias e disse que no dia da luta em que Ronda perdeu seu cinturão, ela estava exausta e passando por graves problemas familiares. Talvez, este seja o real motivo pela pífia apresentação da lutadora que é considerada até hoje a grande estrela do MMA no mundo.

Publicidade
Publicidade

Dana disse que Ronda Rousey declarou a ele que estava exausta fisicamente, emocionalmente e mentalmente para o dia da luta e que não pôde se preparar, de forma adequada, como fez em suas outras doze lutas de sua brilhante carreira, na qual conquistou doze vitórias, sendo nove vitórias por finalização e três por nocaute.

O fato é que a campeã já havia feito três defesas de cinturão neste ano de 2015, essa foi a sua quarta defesa, feito muito difícil de acontecer por se tratar de um esporte de alto nível no qual lesões praticamente fazem parte da rotina de atletas, seja nos treinamentos ou nas próprias lutas.

Ronda Rousey tentava manter uma rotina de "Popstar" e de lutadora, pois semanas antes do grande evento na Austrália, no qual perdeu seu cinturão, ela fez aparições em programas de TV nos Estados Unidos, fotografou para capas de revistas, participou de eventos promocionais do UFC e ainda gravou cenas para filmes que ainda serão lançados.

Publicidade

Dana White também fez questão de sair em defesa de Ronda deixando bem claro que não era “desculpa de perdedor” dada por Ronda, pois o comportamento da lutadora na pesagem foi atípico;  ela nunca havia partido para a agressão física em uma pesagem, mesmo quando teve que passar pela pesagem com a brasileira Bethe Correia, que havia dito coisas que ela não gostou.

O fato é que tudo o que está sendo dito será colocado a prova, pois a revanche já foi confirmada pelo chefão do UFC. Ronda Rousey e Holly Holm se enfrentarão em breve e tirarão essa questão à limpo. #Entretenimento #Cinema #Mídia