Sem sombra de dúvidas o ano de 2015 é para ser esquecido, no que se diz respeito a campanha da equipe carioca no #Campeonato Brasileiro. Com apenas 13 pontos conquistados no primeiro turno, e o rebaixamento já era iminente naquela altura. Doriva e Celso Roth bem que tentaram, mas a apatia da equipe foi visível em campo e a equipe chegou a ficar durante várias rodadas sem marcar um único gol. Para o segundo turno, chegou uma nova comissão técnica, composta pelo técnico Jorginho e seu auxiliar, Zinho. A campanha da segunda metade da competição, principalmente nos últimos 15 jogos foram dignas de time de G4, mas infelizmente o Gigante da Colina pagou pelo primeiro turno pífio e foi rebaixado.

Publicidade
Publicidade

Abaixo você confere quais jogadores devem permanecer, e quais devem ser liberados pela equipe para e disputa da série B em 2016:

  • Comissão Técnica (Jorginho e Zinho) - A comissão técnica será mantida para 2016. A informação foi confirmada pelo presidente Eurico Miranda em entrevista coletiva.
  • Martín Silva (goleiro) - O goleiro uruguaio, um dos destaques positivos na campanha vascaína, já anunciou que ficará na equipe. Através das redes sociais, Martín disse que "quer o #Vasco".
  • Nenê (meia) - Provavelmente também deve permanecer na equipe. Em entrevista coletiva, Eurico Miranda disse que no Brasil Nenê só joga no Vasco, já uma proposta do exterior seria melhor analisada.
  • Rafael Silva (atacante) - Sua saída está praticamente confirmada. Em 2016, Rafael deverá jogar no Veracruz, do México.
  • Serginho (volante) - O contrato do atleta se encerra no fim deste ano e sua situação segue indefinida. Mesmo com o desejo de ficar, o destino de Serginho provavelmente será fora de São Januário.
  • Dagoberto (atacante) - Sem atuar a muito tempo pelo Vasco, o atacante tem proposta do #Futebol dos Estados Unidos. Mesmo que a proposta com o exterior não se concretize, a equipe não tem interesse em contar com o jogador para a próxima temporada.
  • Além desses atletas, Eurico Miranda disse em entrevista coletiva que os atletas que estão sob contrato com o Vasco só serão negociados caso houver interesse do clube.