Final de campeonato, hora de encher os bolsos. Além de definir os três últimos rebaixados, o vice-campeão e o detentor da quarta vaga à Libertadores de 2016, a última rodada do Brasileirão serviu também para decretar quanto cada clube irá receber como bonificação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Apenas os quatro clubes que caíram (Avaí, Vasco, Goiás e Joinville) ficam de "mãos abanando".

O Corinthians, campeão absoluto e dono da taça já com algumas rodadas de antecedência, levará para casa R$ 10 milhões. Já o #Flamengo, de campanha mediana no campeonato e de pura decepção na segunda metade do certame, receberá o valor de R$ 800 mil, referente ao 12° lugar conquistado.

Publicidade
Publicidade

Só Fluminense (700 mil), Chapecoense (600 mil), Coritiba (450 mil) e Figueirense (350 mil) receberão menos que o rubro-negro carioca. 

Derrota na despedida

No último jogo da temporada e na despedida do time no Maracanã diante do torcedor, o Flamengo voltou a decepcionar e perdeu em casa para o Palmeiras, por 2x1. O lateral Pará fez o gol flamenguista. Após a partida, o técnico Jayme de Almeida, que deverá voltar a ser auxiliar em 2016, voltou a lamentar o desempenho da equipe e salientou que espera que o "Flamengo volte a ser muito grande na próxima temporada".

Chiquinho é reforço

Insatisfeita com o rendimento do atual elenco, a diretoria rubro-negra já trabalha em busca de novos reforços para os desafios da temporada de 2016, que não terá a Libertadores no calendário do Fla. O lateral e meia esquerdo Chiquinho, que esteve no Santos em 2015, está contratado e ficará por empréstimo com opção de compra até dezembro de 2016.

Publicidade

O jogador chega para suprir uma carência no setor esquerdo da equipe, já que o colombiano Pablo Armero decepcionou com a camisa rubro-negra e não seguirá no clube no próximo ano. Ele inclusive lamentou "não ter conseguido ajudar" o time nos desafios dessa temporada. No comando técnico da equipe, a tendência é mesmo que o treinador Muricy Ramalho seja confirmado como o novo comandante. #Finança #Campeonato Brasileiro