O jogador Walter Henrique, do Atlético Paranaense, desembarcou essa semana em sua cidade natal, Recife, para passar as férias. Como acontece todo ano, os boatos de que o atacante está em negociação para atuar no Sport Club de Recife começam a surgir na internet e jornais de todo país. Só que desta vez é diferente, pois temos confirmação da boca do próprio jogador de 26 anos, de que há conversas entre o time de Ilha do Retiro e ele mais o seu empresário, Teodoro Fonseca, em entrevista concedida ao periódico pernambucano “Jornal do Commercio”.

O atacante foi bem sincero no seu pronunciamento: “Eu sou um cara que sempre fala a verdade e não nego, o vice-presidente do Sport me procurou e estamos conversando.

Publicidade
Publicidade

Nos encontramos pessoalmente e conversamos bastante. Ele está conversando com meu empresário e eu também estou falando com o pessoal do Atlético-PR, só que é um pouco mais difícil porque o Atlético-PR tem prioridade na renovação do meu empréstimo com o Porto”.

Porto pagou 6 milhões de euros em 2010

Antes do Atlético Paranaense, Walter teve uma passagem turbulenta no Fluminense. O time que mais se destacou em sua carreira foi o Goiás, com 45 gols marcados entre 2012 e 2013, superando as constantes críticas de seu peso bem acima da média recomendada para jogadores de #Futebol. Ele foi comprado pelo FC Porto, de Portugal, em 2010, que pagou a bagatela de 6 milhões de euros por 75% de seus direitos econômicos. Devido a vários questionamentos sobre seu peso, foi emprestado para o Cruzeiro em 2012.

Publicidade

Assista abaixo um vídeo de aproximadamente 7 minutos com os melhores momentos em 2013 de Walter pelo Goiás, é um lance mais bonito que o outro:

Walter no Sport é um sonho antigo de ambas as partes

Waltinho, como é o seu apelido no meio futebolístico, nunca negou que o time de seu coração é o Sport. E é sabido também de que ter o jogador em seu elenco é um sonho antigo da Diretoria rubro-negra.

No famoso jogo virtual de “Esporte Fantasy” Cartola FC, criado e mantido pela empresa Globo, onde as pessoas montam times fictícios comprando e vendendo jogadores e competem baseando-se nas estatísticas de desempenhos dos jogadores na vida real, o atacante Walter está cotado em 16,06 “cartoletas” (moeda fictícia do jogo), posicionado em 17º no ranking nacional, no momento da publicação desta matéria.

E você caro leitor, acredita que Waltinho dessa vez irá mesmo para o Leão de Recife? Escreva sua opinião abaixo na seção de comentários. #Campeonato Brasileiro